Holly Holm domina Irene Aldana no UFC Ilha da Luta 4 e se aproxima de mais uma luta pelo cinturão

Ex-campeã do peso galo controla adversária do início ao fim da luta e mostra que, aos 38 anos, ainda pode atuar em alto nível

H. Holm domina I. Aldana no UFC Ilha da Luta 4. Foto: Reproduçao/Twitter @ufc

A veterana Holly Holm mostrou toda sua experiência e Q.I. de luta no triunfo sobre Irene Aldana no UFC Ilha da Luta 4. Em evento realizado no sábado (03), em Abu Dhabi, a ex-campeã do peso galo (61,2kg) confirmou o favoritismo e alcançou uma marca importante: essa foi a sua vitória de número 60 nos esportes de combate, incluindo MMA, boxe e kickboxing.

Próxima de completar 39 anos, a norte-americana se coloca em ótima posição na categoria e pode lutar pela sexta vez por um cinturão da organização.

Veja Também

VÍDEO: Assista a vitória de Holly Holm sobre Irene Aldana no UFC Ilha da Luta 4
IMAGEM FORTE: Lutador fica com costelas destruídas após chutes de rival no UFC Ilha da Luta 4
Carlos Boi vence Yorgan de Castro no UFC Ilha da Luta 4 e desafia o compatriota Raphael Bebezão
Após quatro anos, Carlos Condit volta a vencer no UFC Ilha da Luta 4
IMAGEM FORTE: Lutador fica com nariz torto no UFC Ilha da Luta 4

A luta

No primeiro round, a experiência e diferença técnica entre Holly Holm e Irene Aldana ficou evidente. Apesar de ambas terem como ponto forte o boxe, a norte-americana possui um currículo muito mais extenso e vitorioso na modalidade. Holm se movimentou bem, mostrou seu arsenal de golpes e surpreendeu a adversária ao derrubá-la, mostrando seu grappling.

O segundo assalto foi uma repetição do primeiro. Holm seguiu soberana e esbanjando técnica e confiança. Apesar de seus golpes não terem tanto poder, a quantidade e eficácia incomodavam Aldana, que se mostrava perdida na luta.

No terceiro round, mais do mesmo. Mesmo aos 38 anos, Holm continuava saltitando no octógono, se movimentando bem e, dessa forma, irritava a adversária. Só que ao mesmo tempo que Aldana tentava atacar, recebia golpes de encontro e era, novamente, surpreendida no solo.

No quarto assalto e em grande vantagem no placar, a norte-americana seguiu focada e dominando as ações. Seu controle era tão visível, que ela parecia antecipar os ataques de Aldana.

Nos últimos cinco minutos, Holm seguiu ativa e foi ainda mais agressiva. Mesclou socos, chutes e quedas e mostrou que ainda pode atuar em alto nível no MMA.

A atuação da veterana foi tão impressionante, que a fez vencer todos os rounds, sendo um visto como 10×8 para um dos juízes, mas, mesmo assim, ela não desafiou Amanda Nunes, campeã da categoria. Antes, a veterana prefere realizar um segundo combate contra Germaine De Randamie, que a derrotou em 2017.

RESULTADOS do UFC Ilha da Luta 4

CARD PRINCIPAL

Peso galo: Holly Holm derrotou Irene Aldana na decisão unânime dos juízes (50-45, 50-44, 50-45)

Peso pesado: Carlos Boi derrotou Yorgan de Castro na decisão unânime dos juízes (30-27, 30-27, 29-28)

Peso galo: Germaine De Randamie derrotou Julianna Pena por finalização (guilhotina) a 3m25s do R3

Peso galo: Kyler Phillips derrotou Cameron Else por nocaute técnico a 0m46s do R2

Peso médio: Dusko Todorovic derrotou Dequan Townsend por nocaute técnico a 3m15s do R2

CARD PRELIMINAR

Peso meio-médio: Carlos Condit derrotou Court McGee na decisão unânime dos juízes (30-27, 30-27, 30-27)

Peso pena: Charles Jourdain e Josh Culibao empataram na decisão dividida dos juízes (30-27, 28-29, 28-28)

Peso médio: Nassourdine Imavov derrotou Jordan Williams na decisão unânime dos juízes (29-27, 29-27, 29-28)

Peso palha: Loma Lookboonmee derrotou Jinh Yu Frey na decisão unânime dos juízes (30-27, 30-27, 29-28)

Peso galo: Casey Kenney derrotou Heili Alateng na decisão unânime dos juízes (30-25, 30-26, 30-27)

Peso leve: Luigi Vendramini derrotou Jessin Ayari por nocaute técnico a 1m12s do R1

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments