Presidente do Bellator deixa revanche entre Fedor e Werdum nas mãos de russo: ‘Ele está 50% a favor’

Scott Coker admite que vai promover confronto histórico apenas se lenda sentir a necessidade do desafio

F. Emelianenko (esq.) decidirá se vai travar revanche contra F. Werdum (dir.). Foto: Montagem SUPER LUTAS

Desde que Fabrício Werdum optou por não renovar seu contrato com o UFC e ficou ‘livre no mercado’, começaram as especulações sobre um possível acerto do brasileiro com o Bellator, onde poderia realizar uma aguardada revanche contra o lendário Fedor Emelianenko. Analisando um eventual acordo com o gaúcho, o presidente da empresa, Scott Coker, não descartou a superluta, mas deixou claro que a decisão depende exclusivamente do russo.

Veja Também

Lenda do MMA, Cyborg defende cinturão conta Arlene Blencowe nesta quinta-feira, no Bellator 249
Ironizando ‘sarrada’, Anthony Johnson sobe tom e pega pesado em provocação a Borrachinha
Autor de nocaute histórico, Joaquin Buckley enfrenta rival invicto no UFC 255
Vídeo: De olho no card de sábado, Volkanovski manda recado a Ortega e ‘Zumbi Coreano’: ‘Podem vir’

“Fedor está 50% a favor (da luta). Não é a vontade que Fabrício gostaria que fosse, mas nós vamos continuar conversando com Fedor e ver se ele quer fazer. Se Fedor quiser, nós definitivamente vamos promover, porque essa pode ser a luta de Moscou (Rússia) ou outro lugar em uma das suas duas últimas apresentações”, disse o mandatário, em entrevista ao ‘MMA Junkie’.

Werdum e Emelianenko fizeram uma luta histórica para o brasileiro em junho de 2010, quando o gaúcho chocou o mundo e surpreendeu o lendário russo com uma finalização no primeiro round, pelo Strikeforce. Na ocasião, o ‘Vai Cavalo’ havia se tornado o segundo lutador na história a bater Fedor, que, ainda hoje, é considerado por muitos como o maior peso pesado de todos os tempos.

Desde que deixou o UFC, em julho deste ano, Fabrício nunca escondeu o desejo de reeditar o duelo de mais de dez anos atrás. O brasileiro, no entanto, admite ouvir propostas de outras empresas, como do ONE FC, que tem Brandon Vera como campeão em sua categoria. O último também já foi batido pelo gaúcho, em 2008, e a motivação extra seria a possibilidade de ostentar um novo cinturão em sua prateleira.

Ex-campeão do Ultimate, Fabrício, hoje com 43 anos, soma 34 apresentações como profissional no MMA. O ‘Vai Cavalo’ tem 24 triunfos, nove derrotas e um empate. Em seu último compromisso, Werdum derrotou Alexander Gustafsson com uma finalização rápida, na estreia do sueco entre os pesados.

Fedor, de 44, não atua desde dezembro do ano passado, quando derrotou o ex-campeão meio-pesado (até 93kg.) do Ultimate, Quinton Jackson. O russo conquistou 39 vitórias em 46 desafios nas artes marciais mistas.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments