Khabib nega aposentadoria e mantém vivo desejo de enfrentar GSP: ‘É a maior luta da história do UFC!’

Campeão do peso leve do UFC volta a citar a lenda canadense como adversário ideal, já que ambos possuem uma bela e semelhante história no esporte

K. Nurmagomedov critica C. McGregor e D. Poirier. Foto: Reprodução/Instagram

Ao que tudo indica, Khabib Nurmagomedov está decidido a ter Georges St-Pierre como possível último adversário de sua carreira. Anteriormente, o campeão do peso leve (70,3kg) do UFC havia dito que a lenda canadense é a única luta que o deixa empolgado, além do confronto válido contra Justin Gaethje, que acontece neste sábado, em Abu Dhabi, e, dessa vez, voltou a cogitar o embate.

Em entrevista ao site norte-americano BT Sport, Khabib elogiou o ex-campeão do peso meio-médio (77,6kg) e médio (83,9kg), não tem dúvida de que essa será a maior luta da história do UFC e, caso ela aconteça, afirmou que terá que ser nos leves.

Veja Também

Khabib Nurmagomedov reforça interesse em enfrentar GSP: ‘Única luta que me deixa empolgado’
Khabib Nurmagomedov abre o jogo e admite viver momento mais difícil da carreira após o falecimento do pai
Khabib se diz pronto para derrubar Gaethje 100 vezes no UFC 254: ‘A noite toda’
Apesar da amizade, Cormier promete ser imparcial ao analisar a luta entre Khabib e Gaethje no UFC 254
Khabib Nurmagomedov impõe condição para revanche contra Conor McGregor acontecer: ‘Só se lutar nos leves’

“Sempre lutarei nos leves. Não tenho planos de descer para os penas ou subir para os meio-médios. Se GSP quiser me enfrentar, basta bater o peso dos leves. Estou pronto para ele. Depois de Gaethje, seria interessante lutar contra GSP. Os fãs e o UFC adoram essa luta. Eu, realmente, quero enfrentá-lo e essa será a maior luta da história do UFC. Ele não perde há muito tempo. Temos uma boa história para contar”

Khabib também aproveitou para negar o rumor de que poderia se aposentar após a luta contra Gaethje e realçou seu desejo de enfrentar os melhores atletas.

“As pessoas falam sobre minha aposentadoria, mas não entendo o motivo. Talvez, estejam cansados de mim. Eu adoro a competição e quero enfrentar os melhores lutadores do esporte. É por isso que estou aqui. Fiz isso por toda minha vida e, agora, tenho o oponente perfeito. Gaethje é muito duro e é considerado por muitos a pior luta para mim. Veremos. Meu foco é Gaethje e nos leves. Sou o campeão dessa categoria e quero continuar assim”, finalizou.

Vale lembrar que a superluta entre Khabib Nurmagomedov e Georges St-Pierre, além de estar no imaginário dos fãs de MMA, sempre foi o desejo do pai do campeão do peso leve do UFC, Abdulmanap Nurmagomedov, que faleceu em 2020, vítima da Covid-19. Caso vença Justin Gaethje no UFC 254, Dana White prometeu que o próximo combate do russo será grandioso e o nome do ex-campeão voltou a ganhar força.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments