Masvidal projeta futuro e diz que não pode se aposentar sem conquistar o título dos meio-médios do Ultimate | SUPER LUTAS

Masvidal projeta futuro e diz que não pode se aposentar sem conquistar o título dos meio-médios do Ultimate

Norte-americano lutou pelo título em duas oportunidades, mas parou em Kamaru Usman

J. Masvidal (foto) deseja se recuperar na carreira. Foto: Reprodução/Instagram @gamebredfighter

Jorge Masvidal fracassou pela segunda vez na oportunidade de conquistar o cinturão dos meio-médios (até 77kg.) ao ser nocauteado por Kamaru Usman no UFC 261 do último sábado (24). Ainda assim, o norte-americano revelou planejamento de voltar ao topo e prometeu não ‘descansar’ na carreira, enquanto não realizar seu sonho.

Veja Também

“Eu amo o esporte e não posso me aposentar sem o título. Quero dar o máximo que posso. Tenho 36 anos e me sinto bem para ir à academia e não deixo ser ultrapassado pelos jovens. Então, por que não fazer outra corrida (pelo cinturão)?”, afirmou Masvidal em entrevista à ‘ESPN’.

Questionado sobre seu próximo passo para o futuro, o ‘Jesus das Ruas’, como é conhecido, afirmou que deve lutar mais vezes neste ano. Além disso, ele diz que a ideia é entrar em ação quantas vezes conseguir para voltar ao topo da divisão.

“Com certeza, vou voltar a lutar de novo neste ano. O intuito é lutar muito. Se eu conseguir pelo menos uma luta no ano, ficarei feliz. Se eu conseguir duas, o que é improvável, seria legal”, finalizou.

Representante do Ultimate desde 2013, Jorge Masvidal possui o cartel de 35 vitórias e 15 derrotas. O norte-americano teve duas oportunidades seguidas de conquistar o cinturão dos meio-médios e foi derrotado em ambas por Usman. O auge da carreira de ‘Jesus das Ruas‘ foi quando conquistou o cinturão ‘BMF’ (lutador mais casca grossa) ao derrotar Nate Diaz no UFC 244 em novembro de 2019.

Comentários

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments