Advogado de homem nocauteado em bar garante processo a ex-Bellator: 'Sorte não ter morrido' | SUPER LUTAS

Advogado de homem nocauteado em bar garante processo a ex-Bellator: ‘Sorte não ter morrido’

Representante de vítima comenta assunto que ganhou as mídias e confirma que Joe Schilling deve responder por crime de agressão

J. Schilling protagonizou um nocaute brutal em um cliente em um bar. Foto: Reprodução/Instagram

A agressão do ex-Bellator, Joe Schilling, a um cliente de um bar pode causar maiores problemas ao lutador. Protagonista de um vídeo no qual nocauteia um desconhecido em um estabelecimento, o atleta deve responder por crime de agressão, segundo o advogado da vítima, Robert Solomon. Em entrevista ao ‘MMA Fighting’, o profissional garantiu que entrará com uma ação contra o combatente e explicou a decisão do cliente.

Veja Também

“É algo que não deveria ter acontecido. Não deveria ter acontecido. Você vê o vídeo e é vergonhoso. É um lutador profissional. Me dizer que você se sentiu ameaçado como um lutador profissional, eu não acredito. Há consequências quando você faz coisas assim. Dar um soco forte da forma como foi, ele (a vítima) tem sorte de não ter morrido”, afirmou Solomon.

De acordo com o boletim de ocorrências feito após o incidente, o cliente responde pelo nome de Justin Balboa. No documento, o homem descreveu as características físicas de Schilling e garantiu que entrará com um processo contra o atleta.

A versão do gerente do estabelecimento no qual a agressão aconteceu muda, quando o que é analisado é o perfil de Balboa. De acordo com a parte, Justin foi descrito como ‘extremamente entorpecido’ e afirma que o homem já causou problemas em outros episódios.

Envolvido no incidente, Joe chegou a publicar o vídeo do ‘nocaute’ nas redes sociais. As imagens, no entanto, foram apagadas por não seguirem as diretrizes do Instagram. Na ocasião, o ex-Bellator alegou legítima defesa e sugeriu que a agressão teria sido motivada por menções racistas por parte de Balboa.

Escute o Podcast SUPER LUTAS #22 com a partipação do árbitro Flávio Almendra

Comentários

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments