Após desafiar Masvidal, Durinho recua e impõe condição para enfrentar norte-americano | SUPER LUTAS

Após desafiar Masvidal, Durinho recua e impõe condição para enfrentar norte-americano

Depois de vencer Stephen Thompson no UFC 264, brasileiro havia sugerido um confronto contra o ‘Jesus das Ruas’ ainda no octógono

G. Durinho em vitória pelo UFC. Foto: Reprodução/Instagram

Depois de superar um dos principais nomes nos meio-médios (até 77kg.) e desafiar Jorge Masvidal – entre outros nomes – ainda no octógono, Gilbert Durinho parece ter repensado na decisão. Na coletiva após o UFC 264, realizado nestes sábado (10), em Las Vegas (EUA), o recuou na possibilidade e impôs uma condição para se testar contra o norte-americano. O retrospecto recente negativo do eventual rival é determinante.

Veja Também

“Eu gosto muito da luta contra Masvidal, mas ele vem de duas derrotas. Ele ganhou muito dinheiro, então, ele precisa me dar um cheque extra para me enfrentar. Eu luto contra ele, mas me coloquem em uma luta principal e será um confronto louco”, disse.

Neste fim de semana, Durinho fez uma luta segura e conseguiu controlar as ações de um dos atletas mais perigosos da divisão. Atuando de forma segura, o brasileiro foi superior ao adversário por três rounds e defendeu a segunda posição no ranking.

Ex-desafiante ao título dos meio-médios, Gilbert mostra tranquilidade quando o assunto é uma nova disputa de cinturão. Nos últimos meses, o presidente do Ultimate, Dana White, afirmou que negocia uma revanche entre o campeão, Kamaru Usman, e Colby Covington, que fizeram uma das melhores lutas de 2019.

Comentários

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments