Adesanya reforça desejo de 'limpar' peso médio e garante seguir sonhando com reinado nos meio-pesados | SUPER LUTAS

Adesanya reforça desejo de ‘limpar’ peso médio e garante seguir sonhando com reinado nos meio-pesados

Campeão na categoria até 83,9kg., nigeriano mantém empolgação com sua categoria e quer seguir trajetória de sucesso no MMA

I. Adesanya é campeão dos médios do UFC desde 2019. Foto: Reprodução/Instagram

Destaque na história recente do MMA, Israel Adesanya garante estar empolgado com os próximos passos de sua carreira. Campeão dos médios (até 83,9kg.), o nigeriano expressou sua vontade de manter seu nome no topo do esporte e, para isso, quer ‘limpar’ a divisão que lidera desde 2019. O atleta também falou sobre o sonho de assumir a coroa nos meio-pesados (até 93kg.).

Veja Também

Miesha Tate Ketlen Vieira

“A ideia de ‘limpar’ a categoria me empolga. Quero fazer isso. Não é apenas sobre (Robert) Whittaker. É sobre ser superior a todos. Ele tem feito uma corrida, vencendo alguns caras duros. Não quero deixar dúvidas e cravar uma bandeira na cabeça deles (adversários) e fazê-los entender que eu domino. Aquilo é meu”, afirmou o campeão, em entrevista ao ‘The MMA Hour’.

Os sonhos de Israel, no entanto, vão além de se manter como campeão absoluto na divisão até 83,9kg. O atleta mantém vivo o sonho de fazer história, também, na categoria de cima. Após uma tentativa frustrada no início desta temporada, o nigeriano garantiu que o projeto não foi encerrado após a disputa contra Jan Blachowicz.

“A história ainda não acabou. Há muitas formas de fazer acontecer. Então, fiquem ligados. (…) Não sou de desistir. (…) Quando fui para os meio-pesados, fiz o meu melhor e não funcionou. Então, definitivamente, vou lutar pelo título de novo”, encerrou.

Em março, Adesanya foi à divisão até 93kg. para tentar seu segundo cinturão no UFC. O atleta, no entanto, parou na força bruta de Blachowicz, que pouco deu chances ao nigeriano. O revés para o polonês marcou a primeira derrota de Israel no MMA profissional.

O tropeço diante de Jan, porém, não abalou o rendimento do nigeriano nos médios. Em junho, o atleta voltou ao octógono para mais uma defesa do seu título. No confronto, Adesanya superou Marvin Vettori por pontos, na reedição de um confronto realizado inicialmente em 2018.

Podcast #30: Aquecimento para o UFC 266 com duas disputas de cinturão e migué de Romero no Bellator

Comentários

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments