Nelson vs Miocic completa card do UFC 161

Card principal do evento de estreia em Winnipeg pode ter seis lutas

Com a confirmação que Renan Barão não conseguirá se recuperar a tempo do rompimento de um tendão do pé, o UFC agiu rapidamente para definir uma nova luta principal para o UFC 161, passando o duelo entre Rashad Evans e Dan Henderson para o topo do card.

A mudança deixou o evento que será disputado em Winnipeg com uma luta a menos. Desde a noite desta terça, este problema foi solucionado. A organização escalou um combate entre os pesos pesados Roy Nelson e Stipe Miocic para ocupar a última vaga do UFC 161. A informação foi revelada por Dana White ao jornal USA Today.

Nelson já estava de sobreaviso, mas para atuar no UFC 160 do próximo sábado. Ele poderia ter que substituir Mark Hunt contra Junior Cigano, mas o neozelandês conseguiu resolver seu problema com o visto americano. O UFC então aproveitou para escalá-lo no evento do Canadá.

Roy Nelson acerta Mitrione

O adversário de Nelson já lutaria no UFC 161, mas contra outro oponente. Stipe Miocic enfrentaria Soa Palelei, mas foi remanejado para o card principal para encarar Nelson. Palelei, que estrearia no maior evento do mundo no UFC 161, passa à posição de substituto caso haja algum problema numa das lutas de pesados do card: além de Nelson-Miocic, o UFC 161 terá Pat Barry contra Shawn Jordan.

Nelson subirá ao octogono em Winnipeg defendendo sequência de três nocautes brutais no primeiro round sobre Cheick Kongo, Matt Mitrione e Dave Herman. Já Miocic viu sua invencibilidade cair ao ser nocauteado por Stefan Struve em setembro de 2012, na luta principal do UFC On FUEL TV 5.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments