Kayla Harrison sobra em grande decisão, finaliza rival e conquista bicampeonato dos leves na PFL 10

Estrela da empresa não toma conhecimento de Taylor Guardado e vence oponente com facilidade no segundo round

K. Harrison após vitória pela PFL. Foto: Reprodução/Instagram

Fez parecer fácil. Grande estrela da PFL, Kayla Harrison voltou a brilhar no decágono, nesta quarta-feira (27), na Flórida (EUA). Na luta principal do show, válida pela final do torneio dos leves (até 70,3kg.), a bicampeã olímpica não teve trabalho contra Taylor Guardado e voltou a comprovar seu sucesso no MMA. Dominante do início ao fim, a norte-americana precisou de dois rounds para finalizar a rival com uma chave de braço.

PUBLICIDADE:

Veja Também

Com a vitória, Harrison defendeu o trono da categoria conquistado inicialmente em 2019. Além do cinturão e o sonhado cheque de US$1 milhão (cerca de R$5,5 milhões), a atleta defendeu a invencibilidade na carreira.

O novo triunfo ampliou o grande momento de Kayla. Agora, a judoca bicampeã olímpica soma 12 resultados positivos em sequência.

PUBLICIDADE:

Depois de bater três oponentes em sequência e conquistar o direito de enfrentar Harrison na grande final, Guardado esbarrou no talento de uma das melhores representantes do MMA feminino na história recente do esporte. Contra a norte-americana, a ‘desafiante’ pouco produziu e foi presa fácil para o ‘chão afiado’ da oponente.

A luta

Logo nos segundos iniciais, Guardado partiu para cima de Harrison com combinações de socos. Harrison partiu para a luta agarrada e, logo, levou a rival para o chão. Por cima, Kayla golpeava a adversária e tentava impor seu ritmo. A estrela da PFL conquistava as transições e seguia em posição de vantagem. Passados dois minutos, Harrison ensaiou uma Kimura, mas Taylor se defendeu. A campeã seguia castigando a adversária e buscava encerrar o confronto a todo custo. Guardado se protegia como podia, mas não esboçava reação. No minuto final, Guardado conseguiu se aproveitar de uma distração da adversária e ficou de pé. Perto de acabar a etapa, a estrela da empresa conseguiu uma bela queda e continuou golpeando, até que o assalto chegou ao fim.

PUBLICIDADE:

Na segunda etapa, Harrison seguia atuando com segurança e pontuava sobre a adversária com chutes baixos e altos. Antes mesmo do primeiro minuto, a campeã voltou a derrubar a oponente e tinha tempo para encerrar o duelo. De cima para baixo, Kayla atacava a oponente, que apenas se protegia. A vantagem seguia com a campeã, que amassava a adversária, sem dar chances de recuperação. Guardado tentava explodir, mas o controle da bicampeã olímpica era total. Os segundos passavam e Taylor apenas cobria o rosto. Kayla chegou à montada e escapou para a chave de braço. Sem chances, restou a Guardado bater em desistência.

PUBLICIDADE:

Resultados da PFL #10

CARD PRINCIPAL 

Peso leve: Kayla Harrison finalizou Taylor Guardado com uma chave de braço a 4m do R2  – final do torneio

Peso meio-médio: Ray Cooper III derrotou Magomed Magomedkerimov por nocaute 3m02s do R3 – final do torneio

Peso leve: Abigail Montes derrotou Claressa Shields na decisão dividida dos juízes (29-28, 28-29, 29-28)

Peso pesado: Bruno Cappelozza derrotou Ante Delija na decisão unânime dos juízes (49-45, 48-46, 49-45) – final do torneio

Peso pena: Movlid Khaybulaev derrotou Chris Wade na decisão dos juízes (50-45, 50-45, 50-45) – final do torneio

CARD PRELIMINAR

Peso meio-pesado: Antônio Cara de Sapato finalizou Marthin Hamlet com um mata-leão a 3m49s do R1 – final do torneio

Peso leve: Raush Manfio derrotou Loik Radzhabov na decisão dos juízes (48-46, 48-46, 49-46) – final do torneio

Peso meio-pesado: Jordan Young derrotou Omari Akhmedov por nocaute técnico a 1m32s do R3

Peso leve: Julia Budd derrotou Kaitlin Young na decisão unânime dos juízes (30-27, 30-27, 30-27)

Peso leve: Don Madge finalizou Nathan Williams com um mata-leão a 2m15 do R2

Podcast #39: Prévia de Aldo, Charles e Amanda + 14 anos de SUPER LUTAS