Dana White freia empolgação com Chimaev e abre as portas para Edwards como próximo desafiante de Usman

O presidente do UFC afirmou que o sueco precisa vencer mais lutas antes de pensar em disputar o cinturão da categoria

D. White em entrevista após o UFC 268 (Foto: Reprodução/Youtube)

Após Kamaru Usman derrotar Colby Covington pela segunda vez na luta principal do UFC 268, defendendo o cinturão dos meio-médios (até 77 kg) pela quinta vez, cresce a expectativa a respeito de quem pode parar o nigeriano na divisão. Um dos nomes apontados, principalmente pelos fãs, para destronar o campeão é o de Khamzat Chimaev.

PUBLICIDADE:

Veja Também

K. Usman e R. Namajunas UFC 268

O russo naturalizado sueco caiu nas graças do público em 2020, ao conquistar, de forma avassaladora, três vitórias em dois meses, sendo duas delas com um espaço de apenas 10 dias. O “Lobo”, como é conhecido, ficou mais de um ano afastado do octógono se recuperando de um caso grave de Covid-19, mas retornou no UFC 267 com mais uma vitória devastadora sobre Li Jingliang.

O impressionante início de Khamzat Chimaev foi o suficiente para alcançar a décima colocação no ranking dos meio-médios, mas não para furar a fila de uma possível disputa contra o campeão Kamaru Usman, segundo Dana White.

PUBLICIDADE:

“Muita gente está falando sobre Khamzat Chimaev, dizendo que ele está pronto. Ele tem quatro lutas no UFC. Eu entendo, o cara é uma das coisas mais legais e malvadas que já vimos, o jeito que ele atropela as pessoas. Mas, uma vez que ele entre no top 10, no top 5, isso sem nem falar de Usman, é um jogo completamente diferente. Ele está algumas lutas distante. Se ele conseguir bater mais uns caras no top 10 e no top 5, então veremos”, disse Dana.

Em relação ao próximo desafiante de Usman, Dana White citou o britânico Leon Edwards como forte candidato.

PUBLICIDADE:

“Leon (Edwards) está aguardando uma chance pelo cinturão há muito tempo. Ele lutou as lutas que nós pedimos para ele lutar. Teve muito azar. As coisas acontecem, mas sempre tem alguém”, deixou em aberto o presidente.

PUBLICIDADE:

Invicto desde 2015, quando perdeu justamente para Kamaru Usman, Leon Edwards não perde há dez lutas, com nove vitórias e um no contest. Terceiro colocado no ranking, o britânico enfrenta Jorge Masvidal no UFC 269, em dezembro.

Podcast #40: José Aldo ainda pode ser campeão no UFC?