Taila Santos dá show, finaliza quinta no ranking dos moscas e se aproxima de disputa de cinturão no UFC Las Vegas 43

Brasileira tem atuação de gala contra Joanne Wood e confirma grande fase com vitória no card principal deste sábado

T. Santos é promessa brasileira no peso mosca do UFC. Foto: Reprodução/Instagram

Atuação de gala. Promessa brasileira no peso mosca (até 56,7kg.) do Ultimate, Taila Santos deu um verdadeiro show no UFC Las Vegas 43. Adversária de Joanne Wood neste sábado (20), a brasileira não tomou conhecimento da número cinco no ranking e confirmou o bom momento com uma finalização ainda no primeiro round.

PUBLICIDADE:

Veja Também

Com o resultado, Taila voltou a provar evolução dentro da companhia. Na próxima semana, a brasileira deve chegar ao top 5 e enxerga mais de perto uma disputa de cinturão na categoria liderada por Valentina Shevchenko.

Derrotada derrota, Wood tem o sinal de alerta ligado. Além de perder a posição de destaque no grupo, a escocesa chegou ao terceiro tropeço nas últimas cinco lutas.

PUBLICIDADE:

A luta

O confronto começou com Wood tomando a iniciativa com chutes baixos. Taila absorveu os ataques e arriscou uma sequência de socos, que passaram no vazio. Passados dois minutos, Santos atacou com um direto e a adversária respondeu na mesma moeda. A brasileira seguia caminhando para frente e tentava encurralar a oponente. Perto do minuto final, Taila encaixou um overhand limpo no rosto da escocesa, que caiu. Wood conseguiu se recuperar e o duelo voltou a ser disputado de pé. A brasileira voltou a castigar a oponente e uma nova combinação de socos fez Joanne desabar. A tupiniquim tentava se aproveitar do bom momento e buscava uma finalização. Restando quase 10 segundos, a escocesa se rendeu e acabou batendo em desistência a um mata-leão.

Sean Brady sobra, bate Chiesa e segue invicto no MMA

S. Brady em atuação pelo Ultimate. Foto: Reprodução/Instagram

PUBLICIDADE:

Com status de promessa dos meio-médios (até 77kg.), Sean Brady voltou a provar que merece a atenção dos fãs de MMA. Adversário do experiente Michael Chiesa na luta co-principal, o atleta sobrou diante do adversário e chegou a mais um resultado positivo no maior compromisso de sua carreira. Ao fim de três rounds, o atleta foi declarado vencedor na decisão unânime dos juízes.

PUBLICIDADE:

O triunfo de Brady movimentará a categoria liderada por Kamaru Usman. Antes na 14ª posição, o combatente, agora, deve assumir a posição do adversário, que, hoje, figura em sexto. Além do salto no grupo, o atleta ampliou sua invencibilidade nas artes marciais mistas, com 15 resultados positivos em sequência.

Vítima das quedas de Sean, Chiesa acabou sofrendo o segundo tropeço consecutivo no Ultimate. O lutador não passava pela situação há mais e três anos.

RESULTADOS DO UFC Las Vegas 43

CAR PRINCIPAL

Peso galo: Ketlen Vieira derrotou Miesha Tate na decisão unânime dos juízes (48-47, 49-46, 48-47)

Peso meio-médio: Sean Brady derrotou Michael Chiesa na decisão unânime dos juízes (29-28, 29-28, 29-28)

Peso mosca: Taila Santos finalizou Joanne Wood com um mata-leão a 4m49s do R1

Peso galo: Rani Yahya derrotou Kyung Ho Kang na decisão unânime dos juízes (29-28, 29-28, 29-28)

Peso galo: Adrian Yanez derrotou Davey Grant na decisão dividida dos juízes (29-28, 27-30, 29-28)

CARD PRELIMINAR

Peso pena: Pat Sabatini derrotou Tucker Lutz na decisão unânime dos juízes (30-27, 30-26, 30-27)

Peso leve: Rafa Garcia derrotou Natan Levy na decisão unânime dos juízes (29-28, 29-28, 29-28)

Peso palha: Loopy Godinez derrotou Loma Lookboonmee na decisão unânime dos juízes (30-27, 30-27, 30-27)

Peso mosca: Cody Durden derrotou Aoriqileng na decisão unânime dos juízes (29-28, 29-28, 29-28)

Peso pena: Shayilan Nuerdanbieke derrotou Sean Soriano na decisão unânime dos juízes (29-28, 29-28, 29-28)

Peso palha: Luana Pinheiro derrotou Sam Hughes na decisão unânime dos juízes (30-27, 29-28, 30-27)

Podcast #39: Prévia de Aldo, Charles e Amanda + 14 anos de SUPER LUTAS