Raulian Paiva vê exagero em sucesso de O’Malley e promete vitória rápida sobre pupilo de Dana no UFC 269

Destaque brasileiro neste sábado, peso galo fala com exclusividade ao SUPER LUTAS sobre desafio contra promessa da organização

Depois de uma estreia de gala no peso galo (até 61,2kg.), Raulian Paiva está pronto para outro grande desafio na carreira. Neste sábado (11), o brasileiro encara a nova sensação do Ultimate, Sean O’Malley, em uma das lutas principais do UFC 269. Antes do confronto, o tupiniquim falou com exclusividade ao SUPER LUTAS sobre o compromisso.

PUBLICIDADE:

Veja Também

Depois de decidir migrar oficialmente para o grupo até 61,2kg., Paiva deixou uma impressão positiva em seu primeiro desafio. Em julho, o brasileiro conquistou grande vitória sobre Kyler Phillips na decisão majoritária dos juízes.

Duelo com O’Malley

Mesmo não enfrentando um adversário ranqueado no UFC 269, Raulian tem motivos para comemorar. O próximo rival do brasileiro tem grande popularidade entre os fãs de MMA e, assim, o tupiniquim falou sobre a importância do desafio.

PUBLICIDADE:

“Ele é um cara que tem muitos fãs. Vai ser bom. Os fãs vão conhecer mais quem é Raulian Paiva, saber quem sou eu. O lado bom é que tem muito mais visibilidade do que um cara que estivesse no ranking”, disse Paiva.

Estilo provocador do rival

Promessa para o futuro do Ultimate, O’Malley é conhecido por provocar seus rivais e estilo diferente fora do octógono. O brasileiro, então, falou sobre como encara possíveis desavenças com o oponente.

PUBLICIDADE:

“Quanto mais besteira ele falar, mais me motiva a calar a boca dele, treinar mais. Ele se acha esse personagem, se acha o cara. É o jogo que ele gosta de fazer. Não vou cair na pilha dele. Vou chegar concentrado, fazer meu trabalho e voltar para casa”, garantiu.

PUBLICIDADE:

Fama exagerada

Diante de um dos novos pupilos de Dana White, presidente do UFC, Paiva diz não entender o porquê de tanto engajamento sobre Sean. O tupiniquim explicou o questionamento.

“Ele não tem tudo isso que o UFC joga em cima dele. É um moleque novo, talentoso, mas tem muita coisa a evoluir. Ele nunca enfrentou um cara de nome. O único que enfrentou de nome foi o Marlon Vera e acabou sendo nocauteado”, disse.

Análise da luta

No maior desafio da sua carreira até o momento, Paiva não se imagina lutando com O’Malley por 15 minutos. Para o brasileiro, o confronto será encerrado antes da decisão dos juízes.

“Do início ao fim, pressão o tempo todo. Acredito que essa luta deve ir, no máximo, para o segundo round. Devo nocautear. Tenho certeza de que ele não vai aguentar a mesma pressão que fiz contra o (Kyler) Phillips. Se eu fizer o jogo que venho treinando, tenho certeza de que termino essa luta rápido.

Histórico dos atletas

Profissional no MMA desde 2013, Raulian Paiva se encaminha para sua 25ª luta como profissional no esporte. Hoje, o brasileiro de 26 anos soma 21 vitórias e três derrotas.

Promessa do peso galo, Sean O’Malley fará o 16º combate nas artes marciais mistas. Atualmente, o atleta de 27 anos tem 14 triunfos e um revés.

Podcast #47: Ngannou defende cinturão no UFC 270 e Dana White ‘some’ + Whindersson Nunes luta neste sábado