Valentina opina sobre possível chegada de Kayla Harrison ao UFC: ‘vai ser difícil achar oponentes’

De acordo com a dona do cinturão peso mosca, não seria fácil encontrar oponentes à altura da bicampeã peso leve da PFL

K. Harrison ganhou dois títulos da PFL. Foto: Reprodução/Instagram

A novela envolvendo o futuro de Kayla Harrison ainda não chegou ao fim. Após conquistar dois títulos de torneios peso leve (até 70,3 kg) da PFL, a lutadora, que também tem no currículo dois ouros olímpicos no judô, está livre no mercado e ainda não sabe por qual organização vai lutar.

PUBLICIDADE:

Veja Também

Campeã dominante no peso mosca (até 56,7 kg) do UFC, Valentina Shevchenko opinou sobre a possível chegada de Harrison à organização. De acordo com Valentina, não seria fácil encontrar uma oponente à altura da norte-americana no Ultimate.

“Eu não assisti às lutas dela, mas sei que ela meio que finaliza todo mundo no primeiro round. Definitivamente é algo bom para as artes marciais femininas que você tenha mulheres fortes como ela no UFC e fora. Acho muito difícil que ela encontre alguém em um nível realmente alto por conta da divisão de peso. Se você tem seu poder e seu peso naturais, sempre é melhor para você. Apenas minha opinião, vai ser muito difícil para ela encontrar oponentes no UFC”, disse Shevchenko.

PUBLICIDADE:

Kayla Harrison atuou no peso leve da PFL, divisão de peso que não existe no UFC. Caso assine com o Ultimate, a norte-americana provavelmente passaria a atuar na divisão peso pena (até 65,7 kg), cujo cinturão pertence a Amanda Nunes, sua parceira de treinos na American Top Team.

Podcast #46: Aquecimento para o UFC 270 com duas disputas de cinturão + Amanda Nunes fora da ATT e Jake Paul rico