Glover confirma contato com último ‘carrasco’ de Prochazka para auxiliá-lo em primeira defesa de título

Campeão dos meio-pesados sugere que pode contar com ajuda de Muhammed Lawal, responsável por atropelar o tcheco no Rizin

G. Teixeira é campeão dos meio-pesados do UFC. Foto: Reprodução/Instagram

Mesmo sem data oficial ou confirmação por parte do UFC, Glover Teixeira já está ajeitando o território para sua primeira defesa de cinturão nos meio-pesados (até 93kg.). Sabendo da possibilidade de enfrentar o perigoso Jiri Prochazka, o mineiro foi atrás de Muhammed Lawal, o ‘King Mo’, responsável pela última derrota do tcheco no MMA. Em entrevista ao ‘Sherdog.com’, o veterano falou sobre o provável reforço nos treinos.

PUBLICIDADE:

Veja Também

Usman cinturão UFC 269

“Eu conversei com o ‘Mo’, porque o Prochazka era o substituto na minha luta contra o Jan Blachowicz. Ele me ligou, nós conversamos um pouco, e talvez eu o traga para o meu camp (período de treinamento). Seria uma ótima possibilidade. Sou muito amigo do Mo”, disse Glover.

Pensando em reunir a melhor equipe possível para sua primeira defesa de cinturão, Teixeira mostrou conhecer bem o estilo daquele que pode ser seu primeiro adversário depois de se tornar campeão. Segundo o mineiro, o estilo agressivo de Prochazka pode abrir brechas para um tropeço.

PUBLICIDADE:

“Jiri é um striker muito pouco ortodoxo. Tem movimentos muito rápidos, muito boa técnica, mas luta muito aberto, e acho que foi aí que King Mo o pegou. Ele vem como um maluco, e se expõe muito, deixando espaço para os golpes serem conectados”, encerrou.

A dura derrota do tcheco no MMA aconteceu em 2015, quando atuava pelo Rizin. Na ocasião, Prochazka acabou sendo vítima da agressividade do, hoje, veterano. Jiri, no entanto, conseguiu sua ‘vingança’, quase quatro anos depois, quando devolveu o nocaute em Muhammed.

PUBLICIDADE:

No topo absoluto dos meio-pesados do UFC, Glover ainda não tem data para retornar ao octógono. Depois de conquistar o título sobre Jan Blachowicz, no fim de outubro, o mineiro chegou a sugerir maio. O compromisso, no entanto, não tem confirmação por parte do Ultimate.

PUBLICIDADE:

Podcast #46: Aquecimento para o UFC 270 com duas disputas de cinturão + Amanda Nunes fora da ATT e Jake Paul rico