VÍDEO: Promessa do UFC, Manel Kape expõe brechas no jogo de Deiveson Figueiredo: ‘Não é inteligente’

Em entrevista exclusiva ao SUPER LUTAS, português afirma que ‘Daico’ tem apenas uma estratégia e cansa rápido em seus combates

Ex-campeão do RIZIN, o angolano naturalizado português Manel Kape é apontado como um dos grandes nomes para a divisão dos moscas (até 56,7kg.) do Ultimate no futuro. E, com estilo incisivo dentro e fora do octógono, o atleta já mira no brasileiro Deiveson Figueiredo, que disputa o título na trilogia contra Brandon Moreno no UFC 270, previsto para acontecer no dia 22 de janeiro.

PUBLICIDADE:

Veja Também

Em entrevista exclusiva ao canal do SUPER LUTAS, Kape admite que analisa com frequência as brechas no jogo de Figueiredo. Para ele, o brasileiro aposta apenas em sua mão direita para nocautear e, quando não consegue, acaba se tornando uma ‘presa fácil’ aos adversários.  

“É fácil de analisar um jogo como o Deiveson (Figueiredo). Ele não muda muito e seu jogo é sempre o mesmo, com aquela mão baixa e, quando ele está acuado, sente (a pressão) e se mostra com medo. Eu não acho que seja algo bom, porque se ele não nocauteia, ele cansa bastante. Não sei se é pelo corte de peso, mas é o que mostra. O nível dele cai bastante”, afirmou Kape.

PUBLICIDADE:

Com a missão de se tornar campeão do Ultimate no futuro, Manel também indicou qual seria seu jogo para vencer Deiveson em uma eventual disputa. Ele se autointitulou como a ‘mão mais pesada’ da categoria e disse que poderia usar o Wrestling para cansar o brasileiro em pé.

“Não acho que seja um atleta muito inteligente. Ele é um homem de ‘uma missão’, já que tem uma mão direita boa e é certeiro no que ele faz. Pode ver a luta que ele fez na luta contra (Jussier) Formiga, por exemplo. Eu imagino que, ao lutar com ele, posso fazer esse jogo de Wrestling para cansar o braço dele e, como eu tenho a mão mais pesada da categoria, posso nocautear. Não digo que é uma luta fácil, mas ela vai ao meu favor e poderia vencê-lo facilmente”, acrescentou.

PUBLICIDADE:

Deiveson recupera o cinturão?

Atento à movimentação da categoria, Manel Kape analisou a trilogia entre Brandon Moreno e Deiveson Figueiredo, que deve acontecer no UFC 270. Segundo ele, o ‘Daico’ teve um problema no corte de peso no último combate e, caso não repita os mesmos erros, pode reconquistar o título.

PUBLICIDADE:

“Acho que ele recupera (o cinturão). Na última luta, ele cometeu um erro básico – talvez pelo problema com o corte de peso – já que ele fica bastante desfigurado depois. Não vai ser fácil, mas eu dou vitória para ele”, finalizou.

Número 14º do ranking dos moscas, Manel fez quatro lutas em 2021 e teve duas derrotas (Alexandre Pantoja e Mateus Nicolau), além de outras duas vitórias (Ode Osbourne e Zhalgas Zhumagulov). Aos 28 anos, o angolano possui um cartel de 17 triunfos e seis derrotas no MMA profissional.

Podcast #46: Aquecimento para o UFC 270 com duas disputas de cinturão + Amanda Nunes fora da ATT e Jake Paul rico