AO VIVO

Assista à coletiva pós-UFC 276 com Adesanya, Poatan e mais

Danilo Marques e mais sete lutadores pegam até seis meses de suspensão médica após UFC Las Vegas 47

Brasileiro foi superado pelo compatriota estrante Jailton Malhadinho no card preliminar do evento do último sábado (5)

J. Malhadinho derrotou D. Marques no UFC Vegas 47 (Foto: Instagram/UFC)

Primeiro evento do Ultimate em fevereiro, o UFC Las Vegas 47, realizado no último sábado (5), pode ter deixado oito lutadores afastados do octógono por bastante tempo. De acordo com as suspensões médicas do evento, divulgada pelo site “mixedmartialarts.com”, Danilo Marques está entre os oito atletas que podem ficar até seis meses afastados da competição.

PUBLICIDADE:

Veja Também

Além do brasileiro, receberam até seis meses de gancho os seguintes lutadores: Punahele Soriano, Sam Alvey, Michael Trizano, Alexis Davis, Julija Stoliarenko, Philip Rowe e Denys Bondar. Os oito atletas precisam de liberação médica para retornarem antes dos seis meses, mas estão inelegíveis para lutar antes de março.

Sean Strickland e Jack Hermansson, que se enfrentaram na luta principal do evento, receberam suspensões mais brandas. O sueco-dinamarquês ficará afastado por dois meses, enquanto o norte-americano, que venceu o duelo, poderá retornar ainda no final de fevereiro.

PUBLICIDADE:

Confira a lista completa de suspensões médicas do UFC Vegas 47:

Sean Strickland: suspenso até 27 de fevereiro, sem contato até 20 de fevereiro.

Jack Hermansson: suspenso até 7 de abril, sem contato até 23 de março.

PUBLICIDADE:

Punahele Soriano: precisa de raio-X no joelho esquerdo, se positivo precisa de liberação do ortopedista, ou não pode lutar antes de 5 de agosto; suspensão mínima sem lutar até 8 de março, sem contato até 27 de fevereiro.

PUBLICIDADE:

Nicholas Maximov: suspenso até 23 de março, sem contato até 8 de março – laceração no supercílio esquerdo.

Carlston Harris: suspenso até 7 de abril, sem contato até 23 de março.

Sam Alvey: precisa de acompanhamento de dentista por problema no dente, ou sem lutar até 5 de agosto; suspensão mínima sem lutar até 23 de março, sem contato até 8 de março.

Tresean Gore: suspenso até 8 de março, sem contato até 27 de fevereiro.

Bryan Battle: suspenso até 23 de março, sem contato até 8 de março.

Julian Erosa: suspenso até 23 de março, sem contato até 27 de março.

Steven Peterson: suspenso até 23 de março, sem contato até 8 de março.

Miles Johns: suspenso até 23 de março, sem contato até 8 de março.

John Castaneda: suspenso até 23 de março, sem contato até 27 de fevereiro.

Michael Trizano: precisa de raio-X nas costelas, se positivo precisa de liberação médica, ou sem lutar até 5 de agosto; suspensão mínima sem lutar até 8 de março, sem contato até 27 de fevereiro.

Marc-Andre Barriault: suspenso até 7 de abril, sem contato até 23 de março.

Alexis Davis: precisa de raio-X no cotovelo esquerdo, se positivo, precisa de liberação médica ou sem lutar até 5 de agosto; suspensão mínima sem lutar até 23 de março, sem contato até 8 de março.

Julija Stoliarenko: precisa de liberação médica para a mandíbula esquerda ou sem lutar até 5 de agosto; suspensão mínima sem lutar até 23 de março, sem contato até 8 de março.

Danilo Marques: precisa de raio-X no ombro e ser liberado por um médico ou sem lutar até 5 de agosto; suspensão mínima sem lutar até 8 de março, sem contato até 27 de fevereiro.

Jason Witt: suspenso até 23 de março, sem contato até 8 de março – laceração na orelha esquerda.

Philip Rowe: precisa de ressonância magnética no joelho direito, se positivo precisa de liberação do ortopedista ou sem lutar até 5 de agosto; suspensão mínima sem lutar até 8 de março, sem contato até 27 de fevereiro.

Denis Bondar: precisa de liberação do ortopedista para o cotovelo esquerdo ou sem lutar até 5 de agosto; suspensão mínima sem lutar até 23 de março, sem contato até 8 de março.

Podcast #68: Adesanya, Poatan e Volkanovski: Tudo sobre o UFC 276