Pressionado por vitória e destaque no UFC 272, Alex Cowboy desabafa sobre momento na organização

Brasileiro amarga três derrotas consecutivas e enfrenta Kevin Holland, que estreia nos meio-médios, neste sábado

A. Cowboy (dir.) derrota P. Sobotta (esq.) em combate dominante no UFC Ilha da Luta 3. Foto: Reprodução/Facebook @UFC

Famoso por sempre querer dar show quando sobe no octógono, Alex Cowboy vive um momento complicado dentro do Ultimate. Um dos destaques do UFC 272, que acontece neste sábado (5), o brasileiro desabafou sobre a pressão de se apresentar pressionado por um resultado positivo. O atleta vem de três tropeços em sequência e enfrenta Kevin Holland, estreante no meio-médio (até 77kg.) da empresa.

PUBLICIDADE:

Veja Também

“Eu preciso dessa vitória, mais do que nunca. Fico chateado, porque a gente perde, mas faz parte do jogo. Essa vitória é muito importante para minha carreira e para a minha vida”, disse Cowboy, em conversa com a imprensa no ‘media day’.

Para não correr o risco de ser integrado na temida lista de dispensa do Ultimate, Alex precisará superar um Holland motivado em uma nova categoria. O brasileiro, então, falou sobre a expectativa para o confronto. Como de costume, o tupiniquim quer dar show para o espectadores.

PUBLICIDADE:

“Meu mestre me falou para sair para a porrada. É para mostrar para ele (Kevin) que a ‘bagaça’ nos 77kg. é mais difícil para ele. Vamos sair na mão. Estou pronto”, garantiu.

Aos 34 anos, Alex se encaminha para seu 37º desafio como profissional no MMA. Hoje, o lutador soma 22 vitórias, 11 derrotas, um empate e dois confrontos ‘sem resultado’ na modalidade.

PUBLICIDADE:

Podcast #68: Adesanya, Poatan e Volkanovski: Tudo sobre o UFC 276