Cinco motivos para assistir o UFC 275, evento em que Glover e Taila podem fazer história no MMA brasileiro

Mineiro busca primeira defesa de cinturão, enquanto catarinense tem o duro dever de enfrentar a campeã Valentina Shevchenko

G. Teixeira (esq.) e T. Santos (dir.) são destaques no UFC 275. Foto: Montagem SUPER LUTAS

Chegou o grande momento. Neste sábado (11), acontece o UFC 275, evento que promete pura emoção à torcida brasileira. No show, Glover Teixeira e Taila Santos lutam pelo cinturão de suas divisões e podem entrar para a história do MMA tupiniquim. Ao todo, 11 confrontos estão programados.

PUBLICIDADE:

Xodó da torcida brasileira, Glover Teixeira busca sua primeira defesa de cinturão nos meio-pesados (até 93kg.). Campeão desde outubro de 2021, o mineiro encara o perigoso Jiri Prochazka.

Veja Também

Promessa dos moscas (até 56,7kg.), Taila Santos viverá o maior compromisso de sua carreira como profissional no MMA. A atleta tenta decifrar o ‘quebra-cabeças’ que é a campeã Valentina Shevchenko e busca encerrar o reinado da quirguistanesa, iniciado em 2018.

PUBLICIDADE:

Além das lutas principais, outro confronto promete mexer com as emoções dos espectadores. Ex-campeã dos palhas (até 52,1kg.), Weili Zhang e Joanna Jedrzejczyk promovem a revanche de um dos maiores confrontos na história das artes marciais mistas. No primeiro embate, a chinesa levou a melhor, vencendo na decisão dividida dos juízes.

Para entrar no clima, a equipe do SUPER LUTAS selecionou cinco motivos para acompanhar o UFC 275. Confira:

PUBLICIDADE:

1) Glover Teixeira x Jiri Prochazka

G. Teixeira (esq.) encara J. Prochazka (dir.) antes de luta no UFC 275. Foto: Reprodução/Instagram

PUBLICIDADE:

Aos 42 anos, Glover Teixeira terá a oportunidade de ampliar seu grande legado nas artes marciais mistas. Para isso, o brasileiro precisará encerrar o ótimo momento de um adversário conhecido pela agressividade e imprevisibilidade.

Para vencer, o mineiro precisará anular capacidade de nocaute do oponente. Na semana do confronto, porém, o tupiniquim chegou a afirmar que Jiri não é seu adversário mais perigoso, dando o ‘título’ de ‘rival mais indigesto’ ao lendário Jon Jones.

Disposto a ‘estragar a festa’ de Teixeira, Prochazka terá a rara oportunidade de conquistar um cinturão do Ultimate de forma relâmpago. Ex-campeão do Rizin, o tcheco chegou ao Ultimate em julho de 2020 e, desde então, teve dois desafios, vencendo nas duas oportunidades.

2) Glover pode igualar marca de Lyoto

G. Teixeira é o campeão dos meio-pesados do UFC. Foto: Reprodução/Instagram

Quarto brasileiro na história do UFC a ostentar o cinturão da categoria até 93kg., Teixeira poderá atingir a marca que apenas um deles conquistou. Se vencer Prochazka neste fim de semana, o mineiro empatará com Lyoto Machida no número de defesas de cinturão.

Ícone do MMA mundial, o ‘Dragão’ defendeu seu trono em uma oportunidade. Na ocasião, o atleta superou Maurício Shogun, mas, na revanche imediata ao compatriota, acabou nocauteado.

Para Glover, a obrigação é vencer. Caso tenha êxito, o combatente definitivamente entra na discussão sobre o ‘Melhor Brasileiro na História dos Meio-Pesados’.

3) Valentina Shevchenko x Taila Santos

V. Shevchenko (esq.) e T. Santos (dur.) em encarada antes do UFC 275. Foto: Reprodução/Instagram

De novo ela. Valentina Shevchenko volta ao octógono e busca fazer ainda mais história no MMA. Considerada uma das melhores lutadoras de MMA de todos os tempos, a quirguistanesa tenta sua sétima defesa de título no peso mosca, categoria na qual nunca foi superada.

Para seguir no trono, a atleta precisará passar pela talentosa Taila Santos, brasileira que vive grande momento na organização. Para vencer, a campeã terá de superar a maior altura e envergadura da brasileira, usando todas as suas técnicas – já conhecidas – nas artes marciais mistas.

Mesmo sem ter conquistado um nocaute com as luvas do Ultimate, Taila é famosa pelo poder nos punhos. Faixa azul de jiu-jitsu, a brasileira tem mostrado evolução na ‘arte suave’, tática que pode ser usada para desvendar o mistério sobre como bater Valentina.

4) Taila Santos pode se tornar um marco

T. Santos é destaque no UFC 275. Foto: Reprodução/Instagram

Azarão nas casas de apostas, é inegável que Taila tem um duro compromisso pela frente. A tupiniquim, além de encarar uma grande representante das artes marciais mistas, precisará fazer o que nenhuma outra atleta fez no peso mosca: derrotar Shevchenko.

Caso choque o mundo, Santos entrará para a história do MMA brasileiro. Em um país repleto de grandes representantes da modalidade, nunca houve uma campeã tupiniquim na divisão.

Aos 28 anos, Santos pode se tornar campeã em sua 21ª apresentação como profissional nas artes marciais mistas. Hoje, a catarinense soma 19 triunfos e apenas um tropeço no esporte.

5) Weili Zhang x Joanna Jedrzejczyk II

J. Jedrzejczyk (esq.) e W. Zhang (dir.) travaram uma das melhores lutas da história do MMA. Foto: Reprodução/Twitter @UFC

Em 7 de março de 2020, os espectadores do UFC 248 ficaram absolutamente anestesiados com o confronto entre Weili Zhang e Joanna Jedrzejczyk, em disputa do cinturão das moscas. Na ocasião, as combatentes impressionaram os fãs de artes marciais ao protagonizarem uma luta franca de 25 minutos.

No primeiro encontro, Zhang levou a melhor. Após cinco rounds disputados, a chinesa convenceu a maioria dos juízes laterais e, na oportunidade, defendeu seu antigo título.

Neste sábado, não há cinturão em jogo. Ainda assim, o confronto entre as ex-campeãs do UFC promete mexer com os ânimos dos que acompanharão o evento.

Recentemente, o presidente do Ultimate, Dana White, admitiu que a vencedora deve se credenciar para lutar pelo cinturão do grupo. Hoje, a dona do título é a veterana Carla Esparza.

Enquanto Weili se manteve ativa depois da batalha contra Joanna, o mesmo não se pode dizer da polonesa. Considerada por muitos como a melhor peso palha da história, Jedrzejczyk terá seu primeiro desafio desde o combate com Zhang no UFC 248.

Ficha técnica do UFC 275

Data: 11 de junho de 2022

Horário: A partir das 20h (horário de Brasília)

Local: Singapore Indoor Stadium, Kallang, Singapura

Como assistirSUPER LUTAS AO VIVO em tempo real e Canal Combate (todo o card) pela TV

CARD PRINCIPAL (23h, horário de Brasília)

Peso meio-pesado (até 93kg.): Glover Teixeira x Jiri Prochazka – Luta pelo cinturão

Peso mosca (até 56,7kg.): Valentina Shevchenko x Taila Santos – Luta pelo cinturão

Peso palha (até 52,1kg.): Weili Zhang x Joanna Jedrzejczyk

Peso meio-médio (até 77kg.): Jake Matthews x André Fialho

Peso meio-médio (até 77kg.): Jack della Maddalena x Ramazan Emeev

CARD PRELIMINAR (20h, horário de Brasília)

Peso médio (até 83,9kg.): Brendan Allen x Jacob Malkoun

Peso pena (até 65,7kg.): Seung Woo Choi x Joshua Culibao

Peso leve (até 70,3kg.): Hayisaer Maheshate x Steve Garcia Jr.

Peso galo (até 61,2kg.): Kyung Ho Kang x Danaa Batgerel

Peso palha (até 52,1kg.): Na Liang x Silvana Juarez

Peso galo (até 61,2kg.): Ramona Pascual x Joselyne Edwards

Podcast #67: Durinho fez o pix para Yanex após nocaute em lutador que falou mal do Brasil + UFC Austin: card do ano