AO VIVO

Assista à coletiva pós-UFC 276 com Adesanya, Poatan e mais

Glover fica perto da vitória, mas é finalizado nos segundos finais e perde cinturão para Prochazka no UFC 275

Brasileiro tem ‘guerra’ no octógono e cede a vitória no último round; resultado encerra reinado nos meio-pesados

G. Teixeira (esq.) foi superado por J. Prochazka (dir.) no UFC 275. Foto: Reprodução/Instagram

Simplesmente insano. Na luta principal do UFC 275, mesmo com 42 anos, Glover Teixeira entregou uma verdadeira batalha contra Jiri Prochazka, mas acabou perdendo o cinturão dos meio-pesados (até 93kg.). Durante quase cinco rounds, o brasileiro alternou bons e maus momentos, no entanto, acabou sendo superado nos segundos finais do último round, sendo finalizado com um mata-leão (veja o vídeo da finalização aqui).

PUBLICIDADE:

Com o resultado, Teixeira perde a oportunidade de igualar a marca de Lyoto Machida e se tornar o segundo brasileiro a defender o título da categoria até 93kg. O tropeço também fez com que o mineiro tivesse encerrada uma sequência de seis vitórias consecutivos.

Novo dono do cinturão, Prochazka chega ao título do UFC em sua terceira apresentação na empresa. O atleta manteve sua invencibilidade na companhia e atingiu a marca de 13 resultados positivos em sequência.

PUBLICIDADE:

Veja Também

A luta

O confronto começou com Glover tomando a iniciativa com uma sequência de dois chutes, investida respondida na mesma moeda pelo tcheco. O confronto seguia tenso, com os atletas trocando golpes no centro do octógono. Passado pouco mais de um minuto, Teixeira encurtou e conseguiu derrubar o adversário. Por cima, o brasileiro atacava no ground and pound, enquanto Jiri tentava travar o combate. Prochazka tentava se levantar, mas Glover não se desgrudava do rival. Restando pouco mais de dois minutos para o fim do assalto, Jiri conseguiu ‘explodir’ e ficou de pé. Na trocação, o tcheco lançou um chute potente na linha de cintura do oponente. Perto do minuto final, o mineiro voltou a derrubar e massacrava o adversário com socos. Nos segundos finais, Teixeira chegou às costas e tentou uma chave de braço, mas Jiri se defendeu bem e conseguiu se levantar. O desafiante ‘voou’ para cima de Teixeira e lançou combinações de socos, mas não havia mais tempo.

No segundo round, Jiri quase conectou uma ‘ponteira’. O ataque raspou o rosto do brasileiro, que caminhava em direção ao desafiante. Passados quase dois minutos, Prochazka balançou o campeão com um direto. O tcheco seguia castigando o brasileiro, que tentava se proteger. Teixeira não conseguia retomar o bom momento e sofria com os golpes do rival. O mineiro dava sinais de cansaço e investia sem contundência. Perto do minuto final, o campeão se aproveitou de um descuido do oponente e conseguiu chegar às costas. Jiri se fechava e tentava impedir as investidas do tupiniquim. Por cima, Teixeira agredia no ground and pound e o tcheco se defendia como podia. Nos segundos finais, Glover conseguiu a montada e ‘martelava’, mas o desafiante acabou salvo pelo gongo.

PUBLICIDADE:

O terceiro assalto começou com Prochazka lançando um chute alto, mas o ataque parou na guarda do campeão. Passado pouco mais de um minuto, Glover tentou nova queda, mas o tcheco se defendeu bem. Na sequência, o brasileiro conseguiu derrubar, mas Jiri fez força e conseguiu ficar de pé. Na trocação, a vantagem era de Prochazka e o brasileiro continuava insistindo nas quedas. Restando pouco mais de dois minutos para o fim da etapa, Jiri pressionava o brasileiro contra as grades e lançava golpes contundentes. O mineiro sentia os ataques e acabou indo para o chão. Por cima, Prochazka castigava, enquanto o campeão tentava resistir. No minuto final, Teixeira conseguiu reverter a posição e o brasileiro passou a pontuar no ground and pound. O assalto acabou com Glover tentando chegar às costas.

PUBLICIDADE:

No quarto round, Teixeira tomou a iniciativa, com uma combinação de socos, seguida de um chute alto. Ainda no primeiro minuto, Jiri antigiu o brasileiro com um upper e um direto de encontro. Com pouco mais de um minuto, Glover conseguiu uma bela queda. Na sequência, o campeão conseguiu a montada e tentou um katagatame. Prochazka se protegia e não permitia que o tupiniquim ajustasse a posição. Restando pouco menos de dois minutos, o mineiro tentou nova finalização (katagatame), mas o tcheco resistiu e conseguiu ficar de pé. Após um bom momento do desafiante, que atingia o campeão no ground and pound, Teixeira conseguiu voltar às costas e ensaiou um mata-leão. Novamente, o tcheco se defendeu e voltou a ficar por cima. O desafiante atacava no ground and pound, mas não havia mais tempo.

O último round começou com Glover balançando Prochazka com uma combinação de socos. Na sequência, o brasileiro tentou uma guilhotina, mas não conseguiu fixar a posição. O combate ficou franco, com os atletas trocando golpes no centro do octógono. Bem na trocação, Teixeira conseguiu encurtar e buscou a queda. O mineiro pressionava o oponente contra as grades, mas Prochazka conseguiu se desvencilhar. Na metade da etapa, o campeão voltou a balançar o oponente com combinações de cruzados. Novamente, o brasileiro encurtou e conseguiu uma queda. O campeão seguia ‘colado’ ao oponente e tentava impedir que o adversário ficasse de pé. Glover conseguiu a montada e castigava o oponente no ground and pound. O tcheco conseguiu ‘explodir’ e chegou às costas do brasileiro. Nos segundos finais, Jiri encaixou um mata-leão e obrigou o mineiro a bater em desistência.

Confira as estatísticas de ‘Teixeira x Prochazka’

Resultados do UFC 275

CARD PRINCIPAL

Peso meio-pesado (até 93kg.): Jiri Prochazka finalizou Glover Teixeira com um mata-leão a 4m32s do R5 – Luta pelo cinturão

Peso mosca (até 56,7kg.): Valentina Shevchenko x Taila Santos na decisão dos juízes (48-47, 47-48, 49-46) – Luta pelo cinturão

Peso palha (até 52,1kg.): Weili Zhang derrotou Joanna Jedrzejczyk por nocaute aos 2m28s do R2

Peso meio-médio (até 77kg.): Jake Matthews derrotou André Fialho por nocaute a 2m24s do R2

Peso meio-médio (até 77kg.): Jack della Maddalena derrotou Ramazan Emeev por nocaute técnico a 1m32s do R1

CARD PRELIMINAR

Peso pena (até 65,7kg.): Joshua Culibao derrotou Seung Woo Choi na decisão dividida dos juízes (29-28, 28-29, 29-28)

Peso leve (até 70,3kg.): Hayisaer Maheshate derrotou Steve Garcia Jr. por nocaute aos 1m20s do R1

Peso médio (até 83,9kg.):  Brendan Allen derrotou Jacob Malkoun na decisão unânime dos juízes (29-28, 29-28, 29-28)

Peso galo (até 61,2kg.):  Kyung Ho Kang derrotou Danaa Batgerel na decisão unânime dos juízes (29-28, 29-28, 29-28)

Peso palha (até 52,1kg.): Silvana Juarez derrotou Na Liang por nocaute a 1m22s do R1

Peso galo (até 61,2kg.): Joselyne Edwards derrotou Ramona Pascual na decisão unânime dos juízes (30-27, 29-28, 29-28)

Podcast #68: Adesanya, Poatan e Volkanovski: Tudo sobre o UFC 276