Vitor Belfort acerta outro ‘chutaço’, nocauteia Dan Henderson e garante chance por cinturão

'Fenômeno' se tornou o primeiro homem a nocautear Hendo e garantiu chance de lutar pelo cinturão dos médios

UFC-Belfort venceVitor Belfort fez história na noite deste sábado (09), em Goiânia, na luta principal do UFC Fight Night 32. O brasileiro se tornou o primeiro homem a nocautear o veterano Dan Henderson. Em outra atuação espetacular,  Belfort mostrou a conhecida velocidade no contragolpe para levar o norte-americano a knockdown e depois encerrar a peleja com uma potente canelada no rosto do rival. O nocaute marcou o terceiro triunfo consecutivo de Vitor com um chute alto.

A luta

O combate principal do UFC em Goiânia começou estudado. Henderson tomou o centro do octógono, mas não entrava no raio de ação do brasileiro. O primeiro minuto transcorreu sem os atletas trocarem golpes, mas assim que o norte-americano tomou a iniciativa, ele foi ao chão.

LEIAMutante vence ‘final’ contra Sarafian e Feijão se recupera

Hendo encurtou a distância preparando o golpe com sua potente direita. Mas quando Dan foi para a entrada, Vitor respondeu rápido e desequilibrou o rival. Sem perder tempo, Belfort partiu para uma série de socos no chão.

MAISThiaguinho finaliza, mas Brasil tem saldo negativo em Goiânia

O norte-americano ainda tentou se levantar, mas neste momento Vitor Belfort acertou uma potente canelada em Dan Henderson, que já caiu nocauteado.

Com o triunfo, conforme Dana White, presidente da franquia, já havia anunciado, Vitor Belfort terá o direito de disputar o cinturão da categoria de médios. Ele mede forças contra o vencedor da luta entre Chris Weidman, atual campeão, e Anderson Silva, que fazem a revanche pelo título no UFC 168, dia 28 de dezembro.

Confira abaixo os resultados completos do UFC Goiânia:

Card Principal

Vitor Belfort derrotou Dan Henderson por nocaute no R1;

Cezar Mutante derrotou Daniel Sarafian na decisão dividida dos juízes;

 Rafael Feijão derrotou Igor Pokrajac por nocaute técnico no R1;

Brandon Thatch derrotou  Paulo Thiago por nocaute técnico no R1;

Ryan LaFlare derrotou  Santiago Ponzinibbio na decisão unânime dos juízes;

Jeremy Stephens derrotou  Rony Jason por nocaute no R1;

Card Preliminar

Sam Sicilia derrotou Godofredo Pepey por nocaute téncico no R1;

Omari Akhmedov derrotou Thiago Bodão por nocaute no R1;

Thiago Tavares finalizou Justin Salas com um mata-leão no R1;

Adriano Martins finalizou Daron Cruickshank com uma Kimura no R2;

Dustin Ortiz derrotou José Maria ‘Sem Chance’ por nocaute técnico no R3;

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments