Estreante no Ultimate, Vitor Petrino vence em luta alucinante e mantém invencibilidade no UFC Las Vegas

Promessa dos meio-pesados, brasileiro vive batalha no octógono, mas passa por Anton Turkalj na decisão unânime dos juízes

Vitor Petrino (esq.) derrotou Anton Turkalj no UFC Las Vegas. Foto: Reprodução/Instagram

Estreante no Ultimate, Vitor Petrino apresentou grande cartão de visitas à organização. Promessa nos meio-pesados (até 93kg.), o brasileiro viveu uma verdadeira batalha contra Anton Turkalj no card principal. Em luta marcada por reviravoltas, o mineiro foi declarado vencedor na decisão unânime dos juízes.

Com o resultado, Petrino tem motivos para comemorar. Revelado pelo ‘Dana White’s Contender Series’, o lutador ampliou sua invencibilidade no MMA profissional, atingindo a marca de oito triunfos consecutivos.

PUBLICIDADE:

Veja Também

Vítima de Petrino, Turkalj segue sem vencer na organização. Antes de encarar o mineiro, o sueco foi vítima de outro brasileiro, Jailton Malhadinho, em setembro de 2022.

‘Guerra’ no octógono

O confronto começou com Petrino levando Turkalj para o chão longo no primeiro minuto. Por cima, o mineiro buscava as transições. Anton conseguiu ficar de pé, mas Vitor seguia ‘grudado’ no oponente e pressionava contra as grades. Perto da metade do assalto, foi a vez do Sueco derrubar, mas o brasileiro se levantou rápido. Os lutadores alternavam posições nas grades, até que se afastaram. Restando dois minutos para o fim da etapa, os combatentes foram para o embate franco, deixando o confronto tenso. No minuto final, Petrino balançou o adversário com uma sequência de diretos e cruzados. Anton acusou os ataques e foi ao chão. O brasileiro partiu para cima e passou a agredir no ‘ground and pound‘. O mineiro tentou ampliar o castigo, mas não havia mais tempo.

PUBLICIDADE:

No segundo round, Turkalj tomou a iniciativa com um chute baixo, e Vitor devolveu com dois altos. Ainda no primeiro minuto, Petrino voltou a balançar o sueco com um cruzado seguido de dois diretos. O mineiro levou o embate para o chão e chegou às costas do oponente. Anton mostrava valentia e conseguiu ficar de pé. Com mais de um minuto, Anton conseguiu reverter a posição, mas o brasileiro estava atento e voltou a cair por cima do adversário. O combate alternava bons momentos entre as duas partes. Com dois minutos para o fim da etapa, os atletas se afastaram e ficaram de pé. Quase no minuto final, Vitor balançou com um upper aplicado por Turkalj. O mineiro, no entanto, ficou de pé e partiu para a luta agarrada. Perto de acabar o assalto, os lutadores mediam forças próximos às grades de forma equilibrada.

O round decisivo começou com Anton lançando o primeiro ataque, com um chute baixo, prontamente respondido pelo brasileiro. Ainda no primeiro minuto, o sueco conseguiu uma queda providencial e logo chegou às costas. Turkalj ensaiava um mata-leão, enquanto o mineiro se protegia. O brasileiro conseguiu reverter a posição e chegou na posição de montada. Com quase dois minutos, foi a vez de Vitor buscar o estrangulamento, mas Anton se defendeu bem. Nos segundos finais, o brasileiro conseguiu duas quedas seguidas no oponente, mas o sueco era resistente e insistia em ficar de pé. Quase no fim do embate, os lutadores se afastaram e partiram para a luta franca. Perto de acabar o embate, o brasileiro conseguiu nova queda, mas o cronômetro zerou.

PUBLICIDADE:

Alexander Volkov bate Alexandr Romanov por nocaute

Alexander Volkov nocauteou Alexandr Romanov no UFC Las Vegas. Foto: Reprodução/Instagram

Em luta de promessa contra veterano, melhor para a experiência. No único confronto entre pesos pesados (até 120,2kg.) do card principal, o russo fez parecer fácil o confronto contra um prospecto da empresa. Atento, o ‘gigante’ foi capaz de anular a estratégia de confronto agarrado do rival e impôs sua trocação de alto nível, liquidando a fatura por nocaute ainda no primeiro round.

A vitória faz com que Volkv siga entre os 10 primeiros da categoria liderada por Jon Jones. O ‘gigante’, agora, soma dois resultados positivos em sequência.

PUBLICIDADE:

Considerado uma aposta para o futuro do Ultimate, Romanov voltou a decepcionar. Depois do revés sofrido diante de Marcin Tybura, em 2022, o combatente perde o segundo compromisso na carreira.

Nikita Krylov finaliza Ryan Spann em luta eletrizante

Nikita Krylov tem vitória anunciada no UFC Las Vegas. Foto: Reprodução/Instagram

Em remarcada de 25 de fevereiro, Nikita Krylov e Ryan Spann protagonizaram um espetáculo aos espectadores do UFC Las Vegas. Em luta disputada em peso casado (até 97,5kg.), os lutadores deixaram tudo no octógono, dando show de trocação e luta agarrada. Após reviravoltas, o ucraniano levou a melhor, se aproveitando de uma distração do oponente e finalizando com um triângulo.

Com a vitória, Krylov atingiu a marca de três vitórias seguidas. Diante de Ryan, o combatente também defendeu a sexta posição no grupo que tem Jamahal Hill como campeão.

Promessa dos meio-pesados (até 93kg.), Spann teve bons momentos no confronto e esteve perto da vitória, mas acabou sucumbindo. O tropeço freia a ascensão do atleta, que adia o sonho de se aproximar do top 5.

Jonathan Martinez bate promessa russa

Jonathan Martinez aplica joelhada em Said Nurmagomedov. Foto: Reprodução/Instagram

Em confronto de promessas no peso galo, Jonathan Martinez e Said Nurmagomedov protagonizaram um confronto de reviravoltas. Em luta marcada pela técnica, melhor para o mexicano. O confronto, elevado pela agressividade de ambos, foi levado à decisão, que confirmou o combatente como vencedor de forma unânime.

A vitória faz com que Martinez amplie a boa fase na empresa. Além de atingir a marca de cinco vitórias seguidas, o mexicano deve assumir a 14ª posição no grupo liderado por Aljamain Sterling.

Promessa russa da categoria, Said Nurmagomedov teve bom começo, mas acabou sucumbindo ao adversário. Com o revés, o lutador teve encerrada uma sequência de quatro triunfos.

Luta de ‘experiência x juventude’ termina em finalização

Mario Bautista finalizou Guido Cannetti no UFC Las Vegas. Foto: Reprodução/Instagram

Em confronto separado por 14 anos de diferença, o promissor Mario Bautista voltou a dar show. Representante do peso galo (até 61,2kg.), o combatente mediu forças com o veterano Guido Cannetti e não tomou conhecimento do rival. Preciso e avassalador, o combatente precisou de pouco mais de três minutos para finalizar o oponente via mata-leão.

Com o resultado, Bautista amplia o bom momento na companhia. Após show no UFC Las Vegas, o atleta atinge a marca de quatro vitórias seguidas.

Veterano do MMA, Cannetti teve encerrada uma sequência de dois triunfos. O argentino não sofria um revés desde 2021.

Estatísticas do UFC Las Vegas

Resultados do UFC Las Vegas

CARD PRINCIPAL 

Peso galo (até 61,2kg): Merab Dvalishvili derrotou Petr Yan na decisão unânime dos juízes (50-45, 50-45, 50-45)

Peso pesado (até 120,2kg.): Alexander Volkov derrotou Alexandr Romanov por nocaute técnico a 2m16s do R1

Peso casado (até 97,5kg.): Nikita Krylov finalizou Ryan Spann com um triângulo a 3m38s do R1

Peso galo (até 61,2kg): Jonathan Martinez derrotou Said Nurmagomedov na decisão unânime dos juízes (29-28, 29-28, 29-28)

Peso galo (até 61,2kg.): Mario Bautista finalizou Guido Cannetti com um mata-leão a 3m18s do R1

Peso meio-pesado (até 93kg): Vitor Petrino derrotou Anton Turkalj na decisão unânime dos juízes (30-26, 30-27, 30-27)

CARD PRELIMINAR 

Peso pesado (até 120,2kg.): Karl Williams derrotou Lukasz Brzeski na decisão unânime dos juízes (30-26, 30-27, 30-26)

Peso galo (até 61,2kg.): Davey Grant finalizou Raphael Assunção com um triângulo invertido a 4m43s do R3

Peso médio (até 83,9kg.): Josh Fremd finalizou Sedriques Dumas com uma guilhotina a 3m do R2

Peso galo (até 61,2kg.): Victor Henry derrotou Tony Gravely na decisão dividida dos juízes (30-27, 28-29-, 29-28)

Peso mosca (até 56,7kg): Ariane Lipski derrotou J.J Aldrich na decisão unânime dos juízes (30-27, 30-27, 30-27)

Peso mosca (56,7kg.): Bruno Bulldoguinho finalizou Tyson Nam com um mata-leão a 1m23s do R2

Peso meio-médio (até 77,1kg): Carlston Harris derrotou Jared Gooden na decisão unânime dos juízes (30-27,30-27, 30-27)

Leia Mais sobre: , , , , , , ,


Resultados do UFC 300 Resultados do UFC Las Vegas 90 Resultados do UFC Atlantic City Resultados do UFC Las Vegas 89 Resultados do UFC Las Vegas 88