Na última luta do contrato, Raphael Assunção é apagado no UFC Las Vegas e se aposenta do MMA

Brasileiro mostra valentia, mas acaba vítima de Davey Grant em confronto decidido no último round e deixa o esporte

Raphael Assunção deixa luvas no octógono após derrota no UFC Vegas. Foto: Reprodução/Instagram

Em sua última luta no contrato com o Ultimate, Raphael Assunção acabou travando seu compromisso final no MMA profissional. Destaque no card preliminar do UFC Las Vegas, realizado neste sábado (11), o brasileiro mostrou valentia, mas foi vítima da complexidade de Davey Grant. Por quase três rounds, o atleta foi competitivo, mas nos segundos finais, foi apagado, via triângulo invertido. Após o anúncio oficial, o veterano de 40 anos anunciou sua aposentadoria do esporte.

Destaque por anos do peso galo do UFC, Assunção não conseguiu o resultado positivo, que poderia ‘forçar’ uma renovação. O tropeço marcou o quinto revés do atleta nos últimos seis desafios.

PUBLICIDADE:

Veja Também

Vitorioso no show, Grant volta a sonhar com um lugar no top 15 da categoria liderada por Aljamain Sterling. O atleta atingiu a marca de dois triunfos seguidos.

Referência na história do peso galo, Raphael enfrentou grandes nomes na história da divisão, como TJ Dillashaw, Aljamain Sterling, Cody Garbrandt, Urijah Faber, Cory Sandhagen e Marlon Moraes. Profissional no esporte desde 2004, o tupiniquim deixa o esporte com 38 desafios na modalidade, somando 28 resultados positivos e 10 negativos.

PUBLICIDADE:

O adeus de Raphael Assunção

O confronto começou com Grant tomando a iniciativa com dois potentes chutes na perna de Assunção. Davey abusava dos ataques na base do brasileiro, que economizava nos ataques. Atento, Raphael se aproveitou da agressividade do oponente e conseguiu levar o confronto para o chão. O brasileiro conseguiu chegar às costas, mas Davey conseguiu se defender bem e ficou de pé. No centro do octógono, o norte-americano era mais agressivo, e tocava mais do que o tupiniquim. Nos segundos finais, Grant surpreendeu Assunção com um cruzado no queixo, mas o brasileiro absorveu o golpe. A etapa acabou com os lutadores se encarando no centro do octógono.

Na segunda etapa, Grant parecia ter encontrado a melhor distância. O atleta alternava diretos e chutes, buscando confundir o brasileiro. Com três minutos passados, o norte-americano seguia com vantagem no confronto. Pior na trocação, Assunção conseguiu encurtar a distância e levar o adversário para o chão. Raphael tentava chegar às costas, mas Davey conseguiu ficar de pé, mesmo com o tupiniquim ainda ‘grudado’. Nos segundos finais, Grant ficou de joelho, enquanto Assunção ensaiava um mata-leão, mas não havia mais tempo.

PUBLICIDADE:

O round decisivo começou com um bom direto de Assunção, que tocou limpo o rosto do norte-americano. Grant não se abalou seguia ‘perseguindo’ o brasileiro no octógono. Quase na metade da etapa, Davey balançou Raphael com uma sequência de cruzados. Abalado, o tupiniquim se agarrou ao oponente, que tentava se aproveitar do bom momento. Após o susto, Assunção conseguiu derrubar o adversário, mas Grant ficou de pé. Restando dois minutos, Davey ‘apertou o passo’ e lançava ataques potentes no corpo do veterano. O brasileiro acusava os ataques e voltou a tentar uma queda, mas Grant se segurou claramente às grades, perdendo um ponto. No minuto final, Davey abalou o tupiniquim com um direto. Raphael voltou a levar o confronto para o chão, mas acabou sendo pego por um triângulo invertido. Com grande pressão, o tupiniquim apagou, decretando o revés.

Estatísticas do UFC Las Vegas

Resultados do UFC Las Vegas

CARD PRINCIPAL 

PUBLICIDADE:

Peso galo (até 61,2kg): Merab Dvalishvili derrotou Petr Yan na decisão unânime dos juízes (50-45, 50-45, 50-45)

Peso pesado (até 120,2kg.): Alexander Volkov derrotou Alexandr Romanov por nocaute técnico a 2m16s do R1

Peso casado (até 97,5kg.): Nikita Krylov finalizou Ryan Spann com um triângulo a 3m38s do R1

Peso galo (até 61,2kg): Jonathan Martinez derrotou Said Nurmagomedov na decisão unânime dos juízes (29-28, 29-28, 29-28)

Peso galo (até 61,2kg.): Mario Bautista finalizou Guido Cannetti com um mata-leão a 3m18s do R1

Peso meio-pesado (até 93kg.): Vitor Petrino derrotou Anton Turkalj na decisão unânime dos juízes (30-26, 30-27, 30-27)

CARD PRELIMINAR 

Peso pesado (até 120,2kg.): Karl Williams derrotou Lukasz Brzeski na decisão unânime dos juízes (30-26, 30-27, 30-26)

Peso galo (até 61,2kg.): Davey Grant finalizou Raphael Assunção com um triângulo invertido a 4m43s do R3

Peso médio (até 83,9kg.): Josh Fremd finalizou Sedriques Dumas com uma guilhotina a 3m do R2

Peso galo (até 61,2kg.): Victor Henry derrotou Tony Gravely na decisão dividida dos juízes (30-27, 28-29-, 29-28)

Peso mosca (até 56,7kg): Ariane Lipski derrotou J.J Aldrich na decisão unânime dos juízes (30-27, 30-27, 30-27)

Peso mosca (56,7kg.): Bruno Bulldoguinho finalizou Tyson Nam com um mata-leão a 1m23s do R2

Peso meio-médio (até 77,1kg): Carlston Harris derrotou Jared Gooden na decisão unânime dos juízes (30-27,30-27, 30-27)

Exclusivo! Fenômeno da trocação que luta no UFC 302 deixa Poatan para trás e quer enfrentar Adesanya

Leia Mais sobre: , ,


Confira todos os resultados do UFC Las Vegas 92 Resultados do UFC St. Louis Resultados do UFC 301 Resultados do UFC Las Vegas 91 Resultados do UFC 300