Em atuação avassaladora, Johnson nocauteia Minotouro em 44 segundos

Brasileiro não conseguiu se encontrar no octógono e foi surpreendido logo no início da luta

Johnson-acerta-MinotoNão de para Rogério Minotouro em seu retorno ao octógono. Em uma atuação avassaladora, o norte-americano Anthony Johnson precisou de apenas 44 segundos para nocautear o brasileiro com uma combinação de socos que levaram o brasileiro a um rápido nocaute. O combate foi a segunda mais importante do UFC on FOX 12, evento realizado na noite deste sábado (26), em San Jose, nos Estados Unidos.

Na luta principal da  noite, os meio-médios Robbie Lawler e Matt Brown travaram uma verdadeira batalha de 25 minutos. Mas ao final de 25 minutos, melhor para Lawler, que com o triunfo ganhou o direito de desafiar o campeão Johny Hendricks, em uma aguardada revanche válida pelo título.

PUBLICIDADE:

LEIA TAMBÉM:
– Pupilo de Vitor Belfort estreia com vitória no UFC
– UFC 179 fica no Rio e Curitiba não deve receber evento em 14

Minotouro é nocauteado

PUBLICIDADE:

Afastado das competições desde fevereiro de 2013, devido a uma série de lesões, Rogerio Minotouro teve o pior retorno possível ao octógono. Diante do norte-americano Anthony Johnson, o brasileiro não conseguiu sequer começar a colocar seu jogo em prática.

Assim que a luta começou Johnson pressionou o brasileiro contra as grades e começou a soltar uma série de potentes golpes de mão. Minoto chegou a dobrar o joelho em duas oportunidades, mas ainda tentou permanecer em pé. Porém, com mais um upper conectado no queixo ele acabou caindo nocauteado em apenas 44 segundos.

PUBLICIDADE:

O revés marcou a primeira derrota do atleta tupiniquim por nocaute na carreira. Por sua vez, Anthony Johnson emplacou sua oitava vitória consecutiva.

PUBLICIDADE:

Confira abaixo os resultados do card preliminar do UFC on FOX 12

Card Principal

Robbie Lawler derrotou Matt Brown na decisão unânime dos juízes;

Anthony Johnson derrotou Rogério Minotouro por nocaute no R1;

Dennis Bermudez finalizou Clay Guida com um estrangulamento no R2

Bobby Green derrotou Josh Thomson na decisão dividida dos juízes;

Card preliminar

Jorge Masvidal derrotou Daron Cruickshank na decisão unânime dos juízes;

Pat Cummins derrotou Kyle Kingsbury na decisão unânime dos juízes;

Tim Means derrotou Hernani Perpetuo na decisão unânime dos juízes;

Brian Ortega finalizou Mike De La Torre com um mata-leão no R1

Tiago Trator derrotou Akbarh Arreola na decisão unânime dos juízes;

Gilbert Durinho derrotou Andreas Stahl na decisão unânime dos juízes;

Joanna Jedrzejczyk derrotou Juliana Lima na decisão unânime dos juízes;

Noah Lahat derrotou Steven Siler na decisão unânime dos juízes;

Podcast #40: José Aldo ainda pode ser campeão no UFC?

Comentários

Deixe um comentário