Caçador de recompensas da TV se oferece para encontrar lutador que agrediu atriz pornô

Duane Dog Chapman usar o Twitter para dar ultimato a War Machine; perfil associado ao irmão do atleta respondeu com provocações

Duane "Dog" Chapman tem um programa de TV em que busca criminosos foragidos. Foto: Reprodução/Facebook

Duane “Dog” Chapman tem um programa de TV em que busca criminosos foragidos. Foto: Reprodução/Facebook

O grave caso de agressão doméstica do lutador War Machine contra sua ex-namorada, a atriz pornô Christy Mack, segue tendo grandes repercussões. Foragido desde o dia em que teria invadido a casa de Christy e batido nela e em um amigo que se encontrava no local, War Machine tem um recompensa de captura avaliada em US$ 10 mil (cerca de R$ 22,7 mil) e recebeu um ultimato do caçador de recompensas Duane “Dog” Chapman, que deu ao lutador 24 horas para se entregar a polícia.

ESPECIAL: Os maiores crimes já cometidos no MMA

“War Machine, é melhor você dar todas as suas desculpas ao juíz. Você tem 24 horas para aparecer ou eu estarei indo atrás de você!”, escreveu Duane em seu perfil oficial no Twitter. O caçador de recompensas teve um famoso programa na TV a cabo norte-americano que acompanhava o dia a dia de sua atividade e durou oito temporadas. Recentemente, Dog voltou à ativa em um novo show, ao lado da esposa e do filho, em que vasculha os Estados Unidos em busca dos criminosos mais procurados do país.

MAIS SOBRE O CASO:
Christy Mack divulga desabafo depois de agressão
Ex-namorada de War Machine nega versão de adultério 

Porém, a exigência de Duane não ficou sem resposta. Uma conta no Twitter que pertenceria ao irmão de War Machine provocou o caçador de recompensas e fez uma revelação: o lutador foragido estaria refugiado no Canadá. “Calado, irmão. Você não vai pegá-lo sem antes pegar uma boa surra”, disse o perfil “AlphaMaleSeeJay” na primeira mensagem. “Você não vai pegar o War Machine. Ele está no Canadá (risos). Boa sorte, irmão! Você é um criminoso, não pode chegar aqui”, completou.

LEIA TAMBÉM:
Wand não crê em suspensão por fuga de antidoping
Rockhold: Belfort está com ‘pescoço de galinha’ sem TRT


Se Duane “Dog” Chapman está realmente interessado no caso de War Machine, já pensa em trabalhar o caso em seu novo programa ou apenas quis se promover em cima do caso que tem ganhado os noticiários, ainda não se sabe. O próprio War Machine, que chegou a se manifestar por meio do Twitter após o ocorrido, alegando ser inocente e dizendo que jamais teria a chance de se explicar, parou de publicar mensagens na rede social e seu paradeiro segue anônimo desde então.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments