Dana detecta incoerência de Wand: ‘Ele sempre nos disse que éramos os melhores’

Chefão do UFC aponta mudança de discurso e diz que brasileiro não tem espaço no Hall da Fama da organização

Wand (foto) encerrou sua carreira com 49 lutas profissionais. Foto: Reprodução/YouTube

Wand (foto) encerrou sua carreira com 49 lutas profissionais. Foto: Reprodução/YouTube

O nome de Wanderlei Silva esteve presente no noticiário do MMA mundial nas últimas semanas em meio às diversas polêmicas nas quais o brasileiro se envolveu. Dias antes de ser banido permanentemente pela Comissão Atlética de Nevada por fugir de um exame antidoping surpresa em maio, o ex-campeão do PRIDE iniciou uma cruzada contra as comissões e o UFC, a quem acusa de explorar os lutadores e não proporcionar a remuneração merecida.

RELEMBRE O CASO:
Em longo desabafo, Wanderlei detona UFC e anuncia aposentadoria
Wanderlei recebe banimento vitalício de comissão por fuga
Wanderlei garante: ‘A guerra só está começando’
Wanderlei polemiza: ‘Não aceitaria o Hall da Fama do UFC’

O assunto não poderia ter ficado de fora na entrevista coletiva que o presidente do Ultimate, Dana White, deu aos jornalistas na prévia do UFC 178, que acontece neste sábado (27), em Las Vegas, nos Estados Unidos. E White destacou que viu uma incoerência nas palavras do brasileiro em relação ao comportamento que ele apresentava no passado.

De acordo com White, Wand nunca mostrou insatisfação com sua situação no UFC – pelo contrário. Segundo o dirigente, o brasileiro era só elogios em relação à chefia do evento. “Lorenzo [Fertitta, um dos proprietários do UFC] estava me dizendo: toda santa vez que nós víamos Wanderlei Silva nas nossas vidas, ele nos dizia ‘vocês são os melhores, vocês construíram o esporte, eu não sei onde estaríamos se não fosse por vocês’. Ele não nos dizia nada além de coisas positivas. Ele também me disse que achava que nós éramos os melhores do mundo e ajudamos a construir o esporte”, disse o chefão do Ultimate.

Dana White respondeu às recentes atitudes de Wanderlei. Foto: Josh Hedges/Zuffa LLC

Dana White respondeu às recentes atitudes de Wanderlei. Foto: Josh Hedges/Zuffa LLC

White insistiu na sua opinião de que Wanderlei está disparando contra o UFC a fim de tirar a atenção da polêmica de doping na qual se envolveu. “Agora ele está nessa situação e está tentando colocar uma cortina de fumaça. Eu não o culpo. Não posso dizer que não faria o mesmo se estivesse em sua posição. Faz parte dos negócios”, opinou o dirigente.

Wanderlei também afirmou que não aceitaria entrar no Hall da Fama do UFC caso fosse convidado. White, em contrapartida, disse que a recusa não será necessária, já que o brasileiro não tem espaço no seleto grupo. Para exemplificar, o chefão comparou o brasileiro com o ex-jogador de baseball Pete Rose, que, apesar de possuir vários recordes, foi banido do Hall da Fama do esporte por se envolver em apostas. “Não vai ter Hall da Fama [para Wanderlei]. O cara ficou na mesma situação de Pete Rose. Não vai haver ofertas para Hall da Fama”, explicou.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments