Após doping e briga, Brandão é demitido do UFC

Carreira do campeão do TUF no Ultimate não resistiu às polêmicas nas quais o lutador se envolveu recentemente

D. Brandão (foto) vive momento complicado. Foto: Getty Images

D. Brandão (foto) vive momento complicado. Foto: Getty Images

Os últimos acontecimentos envolvendo Diego Brandão custaram bastante caro para o brasileiro. Depois de ser flagrado em um exame antidoping e participar de uma confusão na cidade de Albuquerque (EUA), o campeão do TUF 14 acabou demitido do UFC.

Veja Também

Diego Brandão cai em antidoping por uso de maconha
Brandão é suspenso temporariamente por uso de maconha
Diego Brandão é preso após agredir homem com arma
UFC divulga nota após prisão de Diego Brandão

A notícia foi dada primeiramente pelos sites norte-americanos “Sherdog” e “MMA Fighting”. Brandão primeiramente foi flagrado com maconha no UFC 195, em janeiro, evento no qual foi derrotado por Brian Ortega por finalização.

Já no dia 15 deste mês, o lutador brasileiro se envolveu em uma briga em uma boate em Albuquerque. Segundo relatos da imprensa da cidade, a confusão começou quando Diego deixou o estabelecimento e tentou voltar para dentro do local logo em seguida. Impedido, o brasileiro se irritou, pegou uma arma e bateu com ela em um funcionário da boate.

Brandão tem 28 anos e está no UFC desde 2011. O cearense é parceiro de treinos do campeão interino da organização Jon Jones, que recentemente também se envolveu com diversos problemas com a lei em Albuquerque. Seu cartel dentro do UFC é de seis vitórias e quatro derrotas.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments