McGregor e Alvarez se estranham na pesagem do UFC 205; Brasileiro falha com a balança

Brasileiro Thiago Pitbull excedeu em mais de 3kg o limite da categoria, mas luta contra Miller está confirmada

Alvarez (esq) e McGregor (dir) voltaram a se estranhar na pesagem do UFC 205. (Foto: Getty Images)

Alvarez (esq) e McGregor (dir) voltaram a se estranhar na pesagem do UFC 205

Se tem Conor McGregor em ação, tem confusão. E não foi diferente na pesagem do UFC 205, evento que acontece neste sábado em Nova York, no histórico ginásio Madison Square Garden. Após se desentender com Eddie Alvarez durante entrevista coletiva antes do evento, nesta quinta-feira (10), o clima esquentou novamente entre os dois protagonistas da noite, que fizeram uma encarada com muita emoção e precisaram ser contidos por Dana White.

Veja Também

Palpites: UFC 205 – Eddie Alvarez x Conor McGregor
Gastelum não bate o peso e duelo contra Cerrone é retirado do UFC 205
Dana diz que Trump, presidente eleito nos EUA, prometeu ir ao UFC 205
McGregor entra como favorito para duelo contra Alvarez no UFC 205

Primeiro a se pesar, Conor cravou 70kg e vibrou muito em cima da balança, levantando os milhares de irlandeses presentes no local. Com o microfone na mão, disparou. “É só mais um outro dia para mim, eu faço isso todos os dias. Amanhã vou fazer isso pelos meus fãs. Levantem-se, vamos fazer isso de novo”, falou Conor, em entrevista ainda no palco.

Bastante vaiado, Alvarez subiu na balança logo na sequência e pediu silêncio ao público presente, antes de confirmar o peso: 70,1kg. Na entrevista, não deixou barato e rebateu os fãs irlandeses. “Estou aqui para representar a Costa Leste. Eu vou silenciar a todos vocês amanhã”, declarou.

Na segunda luta mais importante, os meio-médios Tyron Woodley e Stephen Thompson mantiveram o respeito que vinham apresentando durante toda a preparação para o duelo e fizeram uma encarada tranquila. Eles não tiveram problemas com o peso: o campeão cravou 77kg, enquanto Thompson sequer atingiu o limite da categoria, batendo 76,6kg.

Contudo, não se pode dizer o mesmo sobre a encarada entre Joanna Jedrzejczyk e Karolina Kowalkiewicz. As polonesas, que já haviam se estranhado na encarada realizada nesta quinta-feira (10), voltaram a elevar a temperatura no palco e precisaram ser contidas por Dana White. As duas atletas atingiram a mesma marca: 51,9kg. Na entrevista, Joanna ironizou a compatriota. “Ela tem um sonho, mas não pssa denun sonho. Acabou”, disse a campeã.

Edgar (esq) e Stephens (dir) fizeram encarada tensa. (Foto: Reprodução)

Edgar (esq) e Stephens (dir) fizeram encarada tensa. (Foto: Reprodução)

No card preliminar, a encarada mais tensa ficou por conta dos pesos pena Frankie Edgar e Jeremy Stephens. Edgar chegou bem perto de Stephens, que deu um passo à frente. Os dois se encaram de forma intensa, sob o olhar atento de Dana White. Na balança, Frankie pesou 65,9kg, enquanto Jeremy bateu 66,1kg.

Entre os brasileiros, destaque negativo para Thiago Pitbull, que fará sua estreia no peso leve (até 70kg), excedeu em mais de 3kg o limite da categoria ao bater 73,7kg. Seu adversário, Jim Miller, também não bateu o peso e marcou 71,4kg. Com isso, a luta será em peso casado e Pitbull perderá 20% da bolsa para o adversário. Miller, que não será multado, teve de se reidratar para ficar no máximo 2,3kg abaixo do peso do rival.

Vicente Luque e Rafael Natal “Sapo” que enfrentam, respectivamente, Belal Muhammad e Tim Boetsch, não tiveram problemas com a balança, assim como seus adversários.

Vale lembrar que durante a pesagem oficial, realizada na manhã desta sexta-feira (11), o peso meio-médio (até 77kg) Kelvin Gastelum alegou que não conseguiria atingir o limite da categoria e sequer apareceu para pesar, cancelando, automaticamente, o duelo que faria contra Donald Cerrone.

O UFC 205 será realizado nesta sábado (12) e terá início às 21h30 (horário de Brasília) com cobertura completa do SUPER LUTAS, com narração das lutas em tempo real, relatos dos combates e entrevistas pós-evento.

Resultados da pesagem do UFC 205:

CARD PRINCIPAL
Peso leve: Eddie Alvarez (70,1kg.) x Conor McGregor (70kg.)
Peso meio-médio: Tyron Woodley (77kg) x Stephen Thompson (76,6kg.)
Peso palha: Joanna Jedrzejczyk (51,9kg.) x Karolina Kowalkiewicz (51,9kg.)
Peso médio: Chris Weidman (84,2kg.) x Yoel Romero (84,1kg.)
Peso galo: Miesha Tate (61,5kg.) x Raquel Pennington (61,5kg.)
CARD PRELIMINAR 
Peso pena: Frankie Edgar (65,9kg.) x Jeremy Stephens (66,1kg.)
Peso leve: Khabib Nurmagomedov (70,6kg.) x Michael Johnson (70,6kg.)
Peso médio: Rafael Natal (84,1kg.) x Tim Boetsch (84,1kg.)
Peso meio-médio: Vicente Luque (77,3kg.) x Belal Muhammad (77,1kg.)
Peso leve: Thiago Pitbull (73,7kg.) x Jim Miller (71,4kg.) *
Peso galo: Liz Carmouche (61,1kg.) vs. Katlyn Chookagian (61,2kg.)

* Thiago Pitbull estourou o limite em 3 kg, e Jim Miller teve de se reidratar para ficar no máximo 2,3kg abaixo do peso do rival. O brasileiro foi multado em 20% da sua bolsa, que foi revertida em favor de Miller. O americano não foi multado.

ASSISTA A PESAGEM DO UFC 205

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments