Oezdemir descarta luta fácil contra Shogun: ‘Ele não tem medo de nada’

Suíço encara Shogun no UFC Chile, em maio, e elogia a história do brasileiro

V. Oezdemir comenta luta contra Shogun (Foto: Reprodução Facebook Volkan Oezdemir)

Volkan Oezdemir volta ao octógono no UFC Chile, dia 19 de maio, para encarar o brasileiro Mauricio Shogun. Após disputar o cinturão dos meio-pesados, em janeiro, o suíço terá pela frente ‘apenas’ o 7º colocado no ranking do peso. Porém, engana-se quem pensa o ‘No Time’ encara o paranaense como um desafio fácil.

Veja Também

Técnico de Shogun aposta em chance por cinturão após luta no UFC Chile
Dana White explica porque não convocou McGregor para o lugar de Ferguson no UFC 223

Apesar de Shogun ter feito apenas uma luta por ano desde 2015, o bom retrospecto recente do brasileiro, somado a toda história do ex-campeão dos meio-pesados, fazem com que Oezdemir considere o desafio diante do rival.

“Shogun ainda é Shogun. Ele esteve em várias batalhas, não tem medo de nada. Ele ainda é um lutador perigoso, definitivamente. Desde que assinei com o UFC, meu empresário sempre me pergunta: ‘Quem você quer enfrentar?’. O único cara que sempre digo é o Shogun, porque ele é quem eu cresci assistindo. Eu comecei a ver o Pride, e ele era o cara na época, um dos meus lutadores favoritos. É incrível enfrentar alguém que você estava buscando”, declarou Oezdemir, em entrevista ao programa The MMA Hour.

Shogun vem de três vitórias consecutivas, com decisões apertadas sobre Corey Anderson e Rogério Minotouro e um nocaute técnico sobre o inexpressivo Gian Villante. Mesmo com o bom momento, ele é cotado como amplo azarão para a disputa com cotação de 5 pra 1. A ótima cotação faz com que Oezdemir seja favorito pela primeira vez em sua trajetória no UFC. Apesar disso, o suíço não se empolga que seja uma luta fácil.

“Acredito que seja a primeira vez que sou o favorito na minha carreira no UFC, isso é ótimo. Na verdade, é muito bom enfrentar uma lenda como o Shogun e ser chamado de favorito, quando em todas as minhas lutas fui o azarão, era 5 para 1 ou coisa asim. Isso é incrível e significa que eu pavimentei meu lugar na divisão. Agora as pessoas me levam a sério e sabem do que sou capaz. Shogun é o cara com mais vitórias na divisão, então é um bom negócio. Ele está mais perto do cinturão do que eu, o que faz a luta ter sentido para mim”, completou.

UFC Chile

Além de Shogun, um verdadeiro esquadrão brasileiro está escalado para o UFC Chile: Vicente Luque encara Chad Laprise; Poliana Botelho enfrenta contra Syuri Kondo; Michel Trator terá pela frente Zak Cummings, enquanto Felipe Silva mede forças contra Claudio Puelles. A luta principal da noite, traz o argentino Santiago Ponzinibbio contra o nigeriano Kamaru Usman. Confira abaixo o card do show até aqui:

Programa de lutas do UFC Chile

Santiago Ponzinibbio x Kamaru Usman

Volkan Oezdemir x Maurício Shogun

Diego Rivas x Guido Cannetti

Vicente Luque x Chad Laprise

Alexa Grasso x Tatiana Suarez

Veronica Macedo x Andrea Lee

Poliana Botelho x Syuri Kondo

Jared Cannonier x Dominick Reyes

Frankie Saenz x Henry Briones

Michel Trator x Zak Cummings

Felipe Silva x Claudio Puelles

Notícias relacionadas