UFC Adelaide: Junior Cigano nocauteia Tai Tuivasa e desafia Alistair Overeem para revanche

Surpreendendo o rival, o brasileiro acerta um cruzado que leva o australiano para o chão e consegue um nocaute na luta principal na Austrália

J. Cigano nocauteou o jovem lutador no segundo round. Foto: Reprodução/Facebook @ufcbrasil

A luta principal do UFC Adelaide no sábado (01) na Austrália teve um enredo digno de Hollywood.  Os pesos pesados Junior Cigano e Tai Tuivasa mediram forças desde o primeiro segundo. O dono da casa, apoiado pela torcida, esteve perto da vitória, mas o brasileiro em uma reviravolta encaixou um cruzado que levou o australiano ao chão. Assim, o catarinense venceu o jovem lutador aos 2m30s do segundo round.

Veja Também

VÍDEO: Veja o nocaute de Junior Cigano sobre Tai Tuivassa no UFC Adelaide
UFC Adelaide: De virada, Mauricio Shogun nocauteia Tyson Pedro e volta a mirar no cinturão
VÍDEO: Assista o nocaute espetacular de Mauricio Shogun sobre Tyson Pedro no UFC Adelaide
UFC Adelaide: Wilson Reis vence Ben Nguyen e encerra sequência de derrotas no Ultimate

“Eu sabia que ele era durão, mas não tanto! Ele me chutou muito forte na perna e eu senti muito. Mas eu tenho poder de nocaute e posso nocautear qualquer um! Enfrento qualquer um, mas acho que uma revanche contra Alistair Overeem seria muito boa agora”, disse Cigano ainda no octógono.

Com o triunfo, o brasileiro deixa a ‘zica’ de lado e conquista a segunda vitória seguida no cartel. A partir de agora Junior vai novamente em busca do cinturão dos pesados.

A derrota em casa faz com que Tuivasa amargue a primeira derrota em sua carreira como lutador profissional de MMA.

A luta

A luta principal entre os pesos pesados iniciou tensa. O dono da casa buscando fechar a fatura ainda no primeiro assalto vai pra cima de Cigano. A torcida começou a gritar ‘olé’ como se o australiano fosse um touro e o brasileiro o toureiro. Os golpes de Tai entraram na guarda de Junior. O catarinense buscou se movimentar no octógono para que os golpes não entrassem com tanta contundência. Os cruzados ‘Bam Bam’ entraram e o oponente sentiu e balançou. Santos procurou ‘fugir’ dos golpes e puxou oponente para o cliche. Sem mais tempo o primeiro tempo chega ao fim.

O segundo assalto começou com o australiano perseguindo o rival no cage. Os golpes de Tuivasa entravam e faziam o brasileiro balançar. Surpreendendo o oponente, Cigano acertou um cruzado de direita que fez Tai cair no chao. Junior partiu pra cima desferindo marretadas no rosto no adversário. Assim, Herb Dean decretou a vitória do brasileiro.

Resultados do UFC Adelaide

Card Principal

Peso pesado: Junior Cigano derrotou Tai Tuivasa por nocaute técnico a 2m30s do R2

Peso meio-pesado: Mauricio Shogun derrotou Tyson Pedro por nocaute técnico a 43seg. do R3

Peso pesado: Justin Willis derrotou Mark Hunt na decisão unânime dos juízes (29-28, 29-28, 29-28)

Peso meio-médio: Tony Martin finalizou Jake Matthews com um triângulo de mão a 1m19s do R3

Peso pena: Sodiq Yusuff derrotou Suman Mokhtarian por nocaute técnico a 2m14s do R1

Peso meio-pesado: Jim Crute finalizou Paul Craig com uma Kimura a 4m51s do R3

Card Preliminar

Peso meio-médio: Alexey Kunchenko derrotou Yushin Okami na decisão unânime dos juízes (30-26, 30-26, 30-27)

Peso mosca: Wilson Reis derrotou Ben Nguyen na decisão unânime dos juízes (30-27, 30-27, 30-27)

Peso meio-médio: Keita Nakamura derrotou Salim Touahri na decisão dividida dos juízes (30-27, 28-29, 29-28)

Peso mosca: Kai Kara-France derrotou Elias Garcia na decisão unânime dos juízes (30-25, 30-25, 30-26)

Peso leve: Christos Giagos derrotou Mizuto Hirota na decisão unânime dos juízes (29-28, 29-27, 30-28)

Peso leve: Damir Ismagulov derrotou Alex Gorgees na decisão unânime dos juízes (30-25, 30-26, 30-26)

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário