Jussier Formiga, Deiveson Figueiredo e Jennifer Maia são os brasileiros do UFC Nashville; veja como lucrar com as apostas

A luta principal do evento no estado do Tennessee é entre os americanos Stephen Thompson e Anthony Pettis

Formiga (esq.) encara Deiveson (dir.) no UFC Nashville. Foto: Reprodução / YouTube

No sábado, 23 de março, o UFC vai estar na cidade de Nashville, no estado norte-americano do Tennessee, na Bridgestone Arena. A principal e mais esperada luta do dia é entre os americanos Stephen Thompson e Anthony Pettis, válida pelo peso-meio-médio.

Thompson, de 36 anos, conhecido pelo apelido de “Wonderboy” (Garoto-Maravilha), 3º colocado do ranking de sua categoria, apesar de vir de uma derrota para Darrent Hill por decisão unânime dos juízes no dia 27 de maio do ano passado, é apontado como favorito para ficar com a vitória. O OddsShark indica, para ele, a cota de R$ 1,26 a cada R$ 1,00 aplicado por você. O cartel do Stephen Thompson é bem positivo e interessante. São 14 resultados positivos, 3 negativos e 1 empate.

Oitavo colocado no peso-meio-médio, Pettis, com 32 anos, tem mais lutas que o adversário, e fará a sua estreia na categoria. Ao todo, até agora, foram 29 embates, sendo 21 vitórias e 8 derrotas. Ele costuma nocautear e finalizar os oponentes. Porém, em outubro de 2018, o “Showtime” (Hora do Show), como é chamado no MMA, foi vencido por Tony Ferguson. Agora, o retorno financeiro no mundo das apostas é de R$ 3,90.

Brasileiros no octógono

Certamente, nós, brazucas, teremos um impasse. Dois compatriotas nossos irão medir forças no peso-mosca: Jussier Formiga e Deiveson Figueiredo. O favoritismo está ao lado do segundo lutador, paraense de 31 anos, também chamado de “Deus da Guerra”. A cota de R$ 1,66 para 1 tem uma boa justificativa. Ele, em 15 combates, nunca foi vencido, está invicto. Em suas duas apresentações mais recentes, diante de John Moraga e Joseph Morales, os triunfos vieram com nocautes técnicos por meio de socos.

Estimado em R$ 2,20, novamente conforme o OddsShark, Jussier Formiga, de 33 anos, natural do Rio Grande do Norte, conta com o cartel de 22 vitórias e 5 derrotas. O seu revés mais recente foi em 2017, para Ray Borg. De lá para cá, venceu Sergio Pettis, Ben Nguyen e Yuta Sasaki. Quem vencer aqui, ao que tudo indica, disputará o cinturão com Henry Cejudo. Comparando os dois retrospectos, Deiveson Figueiredo evidentemente mostra ser mais confiável, mas tenha certeza de que vai ser uma luta bastante disputada.

Também vamos ter mulher em ação, sabia? Nossa representante será a paranaense Jennifer Maia, de 30 anos. A curitibana vai encarar a canadense Alexis Davis pela categoria peso-mosca como zebra, no entanto pode muito bem surpreender e deixar o apostador de bolso cheio. Ela paga R$ 2,15, contra R$ 1,69 da oponente. O retrospecto da brasileira é de 15 vitórias, 1 empate e 5 derrotas. Enquanto isso, a representante do Canadá tem 19 triunfos e 8 reveses. Outro detalhe em comum destas duas lutadores é que ambas vêm de derrotas, para Liz Carmouche, em julho do ano passado, e Katlyn Chookagian, no mesmo mês, respectivamente.

Confira as lutas e as cotas do UFC Nashville:

CARD PRELIMINAR

A partir das 18h, no horário de Brasília

Bobby Moffett (R$ 1,64) x (R$ 2,25) Bryce Mitchell – Peso pena

Marlon Vera (R$ 1,60) x (R$ 2,35) Frankie Saenz – Peso galo

Alexis Davis (R$ 1,69) x (R$ 2,15) Jennifer Maia – Peso palha

Randa Markos (R$ 2,25) x (R$ 1,64) Angela Hill – Peso palha

Ryan MacDonald (R$ 2,90) x (R$ 1,41) Chris Gutierrez – Peso galo

Eric Shelton (R$ 1,62) x (R$ 2,30) Jordan Espinosa – Peso mosca

CARD PRINCIPAL

A partir das 21h, no horário de Brasília

Stephen Thompson (R$ 1,26) x (R$ 3,90) Anthony Pettis – Peso meio-médio

Curtis Blaydes (R$ 1,37) x (R$ 3,05) Justin Willis – Peso pesado

John Makdessi (R$ 1,31) x (R$ 3,45) Jesus Pinedo – Peso leve

Jussier Formiga (R$ 2,20) x (R$ 1,66) Deiveson Figueiredo – Peso mosca

Luis Peña (R$ 1,38) x (R$ 3,00) Steven Peterson – Peso pena

Maycee Barber (R$ 1,38) x (R$ 3,00) JJ Aldrich – Peso mosca

Deixe seu comentário