Deiveson Figueiredo falha em corte de peso e perde chance de conquistar cinturão

Brasileiro fica cerca de 1kg acima do limite dos moscas e apenas Joseph Benavidez pode se sagrar campeão na luta principal do UFC Norfolk; embate é mantido

D. Figueiredo falha em corte de peso para o UFC Norfolk. Foto: Reprodução/Instagram @daico_deusdaguerra

Não será desta vez em que o Brasil voltará a ter um campeão masculino no Ultimate. Um dos protagonistas da luta principal do UFC Norfolk, que acontece neste sábado (29), Deiveson Figueiredo estourou o limite dos moscas (até 56,7kg.) em pouco mais de 1kg e não poderá sair do octógono com o cinturão na luta contra Joseph Benavidez. A luta foi mantida, mas apenas o norte-americano pode conquistar o título. A pesagem foi encerrada no início da tarde desta sexta-feira (28).

Veja Também

Vídeo: Assista à pesagem do UFC Norfolk com Deiveson Figueiredo e Joseph Benavidez. AO VIVO!
Isabela de Pádua falha em antidoping e é suspensa por dois anos pela USADA
Adversário de Deiveson Figueiredo pelo cinturão, Benavidez exalta brasileiro: ‘Sempre o observei’

A tensão brasileira começou quando a maioria dos atletas já havia passado pela balança e Deiveson não se apresentava para realizar sua contabilização. Em sua primeira tentativa, o paraense aferiu 57,8kg, cerca de 1kg acima do limite exigido em disputas de cinturão.

A comissão avaliadora, então, deu ao atleta mais uma hora para que pudesse perder o restante. Após aproximadamente 30 minutos, foi anunciado que Deiveson havia desistido oficialmente de tentar chegar ao peso limite da categoria e abriria mão, assim, de buscar o título. A luta, no entanto, foi mantida. Além da chance de ganhar a cinta, o paraense irá perder 30% no valor de sua bolsa.

Aos 35 anos, Benavidez foi um dos primeiros atletas a marcarem o peso. O norte-americano, que irá para a terceira disputa de cinturão na carreira, conferiu 56,4kg., cerca de 300g abaixo do determinado pela organização.

Outro representante do Brasil, Gabriel Silva não decepcionou. O atleta, que faz sua segunda luta pelo Ultimate e busca a primeira vitória marcou 61,4kg., o mesmo de seu oponente, Kyler Phillips, e garantiram a disputa na divisão dos galos válida pelo card preliminar do espetáculo.

Estreante no Ultimate, Norma Dumont, que fará seu debute na organização, conferiu 66,2kg, fazendo o uso da libra de tolerância. A brasileira encara Megan Anderson, que marcou 65,8kg., em duelo válido pelo peso pena.

Mais falha no corte de peso

Além de Figueiredo, o UFC Norfolk contou com mais uma falha de um dos atletas do card. Representante dos penas (até 65,7kg.), Grant Dawson estourou o limite em mais de 2kg para o combate contra Derrick Minner, que conferiu 65,9kg. O atleta também terá parte de sua bolsa repassada ao rival.

Confira as pesagens do UFC Norfolk

CARD PRINCIPAL (22h, horário de Brasília)

Peso mosca (até 56,7kg*): Joseph Benavidez (56,5kg) x Deiveson Figueiredo (57,8kg**)

Peso pena (até 65,7kg): Felicia Spencer (65,8kg) x Zarah Fairn dos Santos (66,2kg)

Peso pena (até 65,7kg): Megan Anderson (65,8kg) x Norma Dumont (66,2kg)

Peso médio (até 83,9kg): Brendan Allen (84,1kg) x Tom Breese (83,9kg)

Peso galo (até 61,2kg): Gabriel Silva (61,5kg) x Kyler Phillips (61,5kg)

CARD PRELIMINAR (19h, horário de Brasília)

Peso meio-pesado (até 93,kg): Ion Cutelaba (92,8kg) x Magomed Ankalaev (92,8kg)

Peso pesado (até 120,2kg): Marcin Tybura (111,6kg) x Serghei Spivac (106,1kg)

Peso pena (até 65,7kg): Aalon Cruz (66kg) x Spike Carlyle (66kg)

Peso pena (até 65,7kg): Jordan Griffin (65,8kg) x TJ Brown (66kg)

Peso meio-médio (até 77kg): Sean Brady (77,1kg) x Ismail Naurdiev (77,1kg)

Peso leve (até 70,3kg): Luis Peña (70,1kg) x Steve Garcia (70,5kg)

Peso pena (até 65,7kg): Grant Dawson (67,8kg***) x Darrick Minner (66kg)

*Com exceção da luta principal, todos os atletas tiveram uma libra (0,454g) de tolerância sob o peso oficial de suas categorias.

**Falhou no corte de peso e não leva o título, caso vença Joseph Benavidez. O brasileiro perdeu 30% de sua bolsa.

***Falhou no corte de peso e perdeu 30% de sua bolsa.

 

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

1 Comentário
Inline Feedbacks
View all comments
Léo Silva
8 meses atrás

PQP, Tá de sacanagem…
O momento mais importante da carreira do cara, BATER O PESO É OBRIGAÇÃO DOS LUTADORES!
Erro ABSURDO tanto dele como de sua equipe…
Lamentável.