Virna Jandiroba e Livinha Souza vencem no card preliminar do UFC 252

Baiana dá aula e finaliza Felice Harrig no primeiro round e paulista derrota Ashley Yoder por pontos

V. Jandiroba finalizou F. Harrig no UFC 252. Foto: Reprodução/Instagram

Representantes brasileiras no card preliminar do UFC 252, realizado neste sábado (15), em Las Vegas (EUA) Virna Jandiroba e Livinha Souza não decepcionaram e venceram seus compromissos. A baiana deu show e finalizou Felice Harrig, enquanto a paulista bateu Ashley Yoder no primeiro round.

Veja Também

Em luta emocionante, Stipe Miocic derrota Daniel Cormier, aposenta rival e mantém cinturão no UFC 252
Júnior Cigano não resiste à força de Jairzinho Rozenstruik e sofre duro nocaute no UFC 252
Podcast SUPER LUTAS #004 debate as vitórias de Weidman e Lewis e o esquenta para o balado UFC 252; Escute!

Escalada para a penúltima luta do card preliminar, Jandiroba deu uma verdadeira aula de jiu-jitsu. Ex-campeã da invicta, Virna não deu chances para a veterana Felice e usou sua principal arma para conquistar uma finalização em menos de dois minutos.

Esta foi a 16ª vitória na carreira da baiana e a 13ª finalização em seu cartel como profissional no MMA. Pelo UFC, Jandiroba chegou ao segundo resultado positivo em três apresentações.

Primeira brasileira a subir no octógono, Livinha também se deu bem. A paulista teve um duro compromisso contra Ashley Yoder, mas saiu vencedora na decisão unânime dos juízes.

Souza começou bem o confronto, no entanto, Ashley dificultou a vida da tupiniquim no segundo assalto. No round decisivo, Livinha atuou com segurança e garantiu o resultado por pontos.

Agora, Livinha soma 14 resultados positivos em 16 confrontos nas artes marciais mistas. No Ultimate, a paulista tem três triunfos e uma derrota.

Vinc Pichel derrota veterano Jim Miller por pontos

V. Pichel (foto) derrotou J. Miller no UFC 252. Foto: Reprodução/Instagram

Representante da última luta do card preliminar, Vinc Pichel conquistou um grande resultado ao bater o experiente Jim Miller por pontos. Em confronto movimentado, o norte-americano foi melhor e, por pontos, conquistou a segunda vitória consecutiva no Ultimate.

Representante dos leves (até 70,3kg.), Pichel tinha o compromisso de trocar forças contra o atleta que mais se apresentou na história do UFC, com 36 confrontos. Com o resultado positivo, Vinc chegou à marca de 13 triunfos em 15 embates disputados.

Miller, que vinha de vitória sobre Roosevelt Roberts , sofreu o 15º revés em 48 compromissos como profissional no MMA.

Chris Daukaus estreia no UFC com nocaute devastador sobre Parker Porter

C. Daukaus (dir.) derrotou P. Porter (esq.) por nocaute no UFC 252. Foto: Reprodução/Instagram

Representante dos pesados (até 102,2kg.), Chris Daukaus teve a estreia dos sonhos no UFC. No embate contra Parker Porter, que também debutava na organização, o norte-americano foi superior e conquistou um grande nocaute no fim do primeiro round.

Com o resultado positivo, Daukaus inicia sua trajetória na organização com o pé direito. Esta foi a 12ª apresentação do norte-americano como profissional no MMA. Agora, Chris soma nove triunfos e três reveses. Porter, por sua vez, chegou à sexta derrota em 15 confrontos.

Resultados do UFC 252

CARD PRINCIPAL

Peso pesado: Stipe Miocic derrotou Daniel Cormier na decisão unânime dos juízes (49-46, 48-47, 49-46) – Luta pelo cinturão

Peso galo: Marlon Vera derrotou Sean O’Malley por nocaute técnico a 4m40s do R1

Peso pesado: Jairzinho Rozenstruik derrotou Júnior Cigano por nocaute técnico a 3m47s do R2

Peso pena: Daniel Pineda derrotou Herbert Burns por nocaute técnico a 4m37s do R2

Peso galo: Merab Dvalishvili derrotou John Dodson na decisão unânime dos juízes (30-27, 30-27, 30-27)

CARD PRELIMINAR

Peso leve: Vinc Pichel derrotou Jim Miller na decisão unânime dos juízes (29-28, 29-28, 29-27)

Peso palha: Virna Jandiroba finalizou Felice Herrig com uma chave de braço a 1m44s do R1

Peso pena: Danny Chavez derrotou TJ Brown na decisão unânime dos juízes (29-28, 29-28, 29-28)

Peso-palha: Livinha Souza derrotou Ashley Yoder na decisão unânime dos juízes (29-28, 29-28, 30-27)

Peso pesado: Chris Daukaus derrotou Parker Porter por nocaute técnico a 4m28s do R1

Peso pena: Kai Kamaka III derrotou Tony Kelley na decisão unânime dos juízes (29-28, 29-28, 29-28)

 

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments