Darren Till aconselha Sean O’Malley: ‘Aceite a derrota e respeite quem o derrotou’

Darren Till reclamou da postura de Sean O'Malley, que foi derrotado por Marlon Vera e, mesmo assim, diminuiu o rival

D. Till aconselha O’Malley. Foto: Reprodução/YouTube UFC

As reclamações de Sean O’Malley sobre sua derrota diante de Marlon Vera no UFC 252 não foram aceitas pelo algoz, fãs e também pelo peso médio (83,9kg), Darren Till. A promessa do peso galo (61,2kg), que sofreu uma lesão no tornozelo em pleno octógono, foi nocauteado após a contusão, e perdeu a invencibilidade como profissional. Ao participar do podcast ‘Believe You Me’, de Michael Bisping, o inglês condenou a postura de ‘Suga’ e pediu para o atleta mudar seu comportamento.

Veja Também

Confiante após vencer promessa, Marlon Vera afirma: ‘Vou aposentar José Aldo’
Paulo Borrachinha promete matar Israel Adesanya no UFC 253
Atletas do Bellator respondem Dana White e Patrício Pitbull dispara: ‘Posso destruir seus melhores atletas’
Werdum quer enfrentar Fedor, mas decisão esbarra em chance de conquistar cinturão no ONE FC

“Tem que dar o crédito. Eu gosto de O’Malley e acho que ele tem futuro, mas perdeu. Aceite a derrota e tenha respeito. Você pode ser campeão, mas não chame o lutador que o derrotou de apenas mais um. Não estou falando por mal. Ele é bom, mas duas coisas ficaram na minha cabeça. A primeira, foi o jeito que ele perdeu. Lutei três rounds com meus joelhos machucados. Não pude usar o que tenho de melhor, que é a movimentação, mas, mesmo com dor e contra Whittaker, não desisti. A segunda, a maneira como ele está lidando com o resultado após a luta. Cara, você perdeu. Aceite e esqueça isso”, disse Till.

Apesar da critica, Till também enviou uma mensagem de incentivo ao prodígio.

“Todos os melhores do mundo já perderam. Eu sou um dos melhores e perdi. Aceite sua perda, vá para trás da fila e se recupere”, finalizou.

Vale lembrar que, assim como Sean O’Malley, Darren Till perdeu a primeira luta da carreira no UFC, quando disputou o cinturão do peso meio-médio (77,6kg) contra Tyron Woodley, em setembro de 2018, porém não contestou o resultado.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments