Colby Covington domina Tyron Woodley e vence por nocaute técnico no UFC Las Vegas 11

Luta principal tem final inusitado, quando ex-campeão desistiu do duelo após uma suposta lesão no último round

C. Covington (dir.) não deu chances para T. Woodley (esq.) no UFC Las Vegas 11. Foto: Reprodução/Instagram

Colby Covington prometeu e cumpriu. Na luta principal do UFC Las Vegas 11, realizado neste sábado (19), nos Estados Unidos, o ‘Caos’ não deu chance para Tyron Woodley e bateu o ex-campeão com um nocaute técnico no último round. Na ocasião, o antigo líder dos meio-médios (até 77kg.) acusou uma suposta lesão e gritou para que o duelo fosse encerrado.

Veja Também

VÍDEO: Assista o nocaute de Johnny Walker sobre Ryan Spann no UFC Las Vegas 11
Khamzat Chimaev dá show e vence Gerald Meerschaert com nocaute relâmpago no UFC Las Vegas 11
Johnny Walker leva susto, mas se recupera e aplica duro nocaute em Ryan Spann no UFC Las Vegas 11
VÍDEO: Assista a bela finalização de Mackenzie Dern sobre Randa Markos no UFC Las Vegas 11
Mackenzie Dern volta a brilhar e finaliza Randa Markos no primeiro round no UFC Las Vegas 11

O confronto entre Covington e Woodley era muito aguardado pelos fãs de MMA por se tratar de dois atletas com qualidades para ostentar o título. Ex-companheiros de treino e inimigos pessoais, os lutadores também batalhavam por uma oportunidade direta de lutar pelo cinturão, que hoje pertence a Kamaru Usman.

Com o resultado, Covington volta a vencer depois do revés sofrido para o atual campeão, em dezembro do ano passado. Número dois no ranking, o norte-americano, agora, aguarda o desafio entre Usman e Gilbert Durinho, que negociam um duelo para o UFC 256.

Woodley, que não conseguiu impor seu ritmo diante de Colby confirmou a má fase na carreira. Aos 38 anos, o ex-líder da divisão, agora, soma três derrotas em sequência.

A luta

Woodley tomou a iniciativa do confronto com um jab. Covington respondeu com um chute baixo. Antes do primeiro minuto, Colby conseguiu derrubar o ex-campeão linear e começou a desferir golpes de cima para baixo. Tyron tentava controlar a situação, mas a vantagem era para o rival. Fazendo muita força, Woodley conseguiu se levantar e os atletas voltaram a trocar golpes no centro do octógono. Nos momentos finais do assalto, Covington conectou um potente cruzado de esquerda e, na sequência, agarrou o oponente. Tyron tentava se desvencilhar, mas o adversário controlava bem a ação. Woodley conseguiu se afastar, mas não havia mais tempo.

Na segunda etapa, Covington apostou nos chutes altos. O combatente tentou surpreender o adversário por três vezes e chegou a desequilibrar o ex-campeão com jabs e diretos. Passados dois minutos, Colby voltou a investir na luta agarrada, mas Woodley conseguiu se afastar. Tyron seguia caminhando para trás e era perseguido pelo oponente. No centro do octógono, os meio-médios trocavam socos e chutes e, nos segundos finais, Woodley surpreendeu o oponente com um ‘superman-punch’, mas o cronômetro zerou.

No início do terceiro round, o confronto foi interrompido após Tyron acusar uma dedada no olho desferida por Colby. O confronto voltou com Covington partindo com tudo para cima do ex-campeão. Colby desferia combinações de jabs, diretos e chutes no corpo do rival e Woodley tentava responder à altura. Na metade do assalto, Covington voltou a pressionar o oponente contra as grades e tentar a queda. Tyron fazia força para se manter de pé. O combate seguiu sem muita ação, com ambos trocando joelhadas nas linhas de cintura. Nos segundos finais, Woodley conseguiu se desvencilhar, mas não havia mais tempo.

A quarta etapa começou com Covington surpreendendo Woodley com um chute alto. O ex-campeão respondeu com um chute potente na linha de cintura do oponente. Colby tentou tanto, que conseguiu. Passados quase dois minutos, o atleta aplicou uma bela queda em Tyron, que caiu em posição de desvantagem. Covington desferia golpes de cima para baixo e o ex-campeão apenas tentava resistir. Os ataques de Colby abriram um corte no rosto de Tyron, que se incomodava com o sangramento abundante. Nos segundos finais, Woodley seguia totalmente dominado pelo oponente, até que o assalto acabou.

No último round, Covington seguiu pressionando e tentando enquadrar o ex-campeão nas grades. Colby voltou a buscar as pernas e conseguiu derrubar novamente. Por baixo, após uma tentativa de transição, Woodley gritou de dor e pediu para que o árbitro interrompesse o confronto. Colby, então, venceu por nocaute técnico.

Resultados do UFC Las Vegas 11

CARD PRINCIPAL

Peso meio-médio: Colby Covington derrotou Tyron Woodley por nocaute técnico a 1m19s do R5

Peso meio-médio: Donald Cerrone e Niko Price empataram na decisão majoritária dos juízes (29-27, 28-28, 29-28)

Peso médio: Khamzat Chimaev derrotou Gerald Meerschaert por nocaute a 17s do R1

Peso meio-pesado: Johnny Walker derrotou Ryan Spann por nocaute 2m43s do R1

Peso palha: Mackenzie Dern finalizou Randa Markos com uma chave de braço a 3m44s do R1

Peso médio: Kevin Holland derrotou Darren Stewart na decisão dividida dos juízes (29-28, 28-29, 29-28)

CARD PRELIMINAR

Peso mosca: David Dvorak derrotou Jordan Espinosa na decisão unânime dos juízes (30-27, 30-27, 30-27)

Peso pena: Damon Jackson finalizou Mirsad Bektic com uma guilhotina a 1m21s do R3

Peso mosca: Mayra Sheetara finalizou Mara Romero Borella com uma chave de braço a 2m29s do R1

Peso galo: Jessica-Rose Clark derrotou Sarah Alpar por nocaute técnico a 4m21s do R3

Peso pena: Darrick Minner finalizou TJ Laramie com uma guilhotina a 52s do R1

Peso galo: Randy Costa derrotou Journey Newson com um nocaute a 41s do R1

Peso galo: Andre Ewell derrotou Irwin Rivera na decisão dividida dos juízes (29-28, 29-28, 29-28)

Peso galo: Tyson Nam derrotou Jerome Rivera por nocaute técnico a 34s do R2

 

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments