Citado por Dana White como possível oponente de Chimaev, Thompson recusa luta: ‘Não faz sentido’

Ex-desafiante do peso meio-médio frustra os planos do UFC por acreditar que tem muito a perder e nada a ganhar com o duelo

S. Thompson (esq.) nega luta contra K. Chimaev (dir.). Foto: Reprodução/Instagram

O mistério acerca do próximo adversário de Khamzat Chimaev segue sem ser solucionado. Dana White já informou que o sueco fará a luta principal de um evento a ser realizado nos Estados Unidos e revelou que Stephen Thompson era o nome mais cotado para enfrentá-lo, porém só faltou combinar isso com ‘Wonderboy’.

Ao site norte-americano The Body Lock MMA, Thompson desmentiu a informação divulgada pelo presidente do UFC, negando qualquer interesse de enfrentar a promessa do peso meio-médio (77,6kg) e explicou o motivo da recusa.

Veja Também

Dana White critica Conor McGregor por tentar roubar os holofotes dos demais lutadores: ‘Sempre faz isso’
Holly Holm comemora grande atuação no UFC Ilha da Luta 4 e não tem pressa para lutar pelo cinturão dos galos
Após finalizar Juliana Peña no UFC Ilha da Luta 4, Germaine De Randamie cobra respeito: ‘Mereço isso’
Vídeo: Ex-UFC aplica nocaute fulminante em brasileiro com chute giratório, em evento russo

“Não, não lutarei com Chimaev. Simplesmente, não faz sentido para mim neste momento. Estou classificado entre os cinco primeiros e não vou enfrentar um lutador que não está no ranking. Lutei com muitos atletas para chegar onde estou e vários atletas fizeram o mesmo para chegar onde estão. Não entendo a razão dele pegar um atalho para ultrapassar os demais lutadores”, disse Thompson.

Atualmente no top-5 do peso meio-médio do UFC, Stephen Thompson visa enfrentar lutadores que o aproximem de disputar o cinturão da categoria pela terceira vez em sua carreira. Inclusive, recentemente, o norte-americano desafiou Leon Edwards, o terceiro colocado.

Por sua vez, Khamzat Chimaev estreou na organização em julho de 2020, impressionou pela forma como venceu e ainda mais por ter voltado a lutar após dez dias. E não parou por aí. Invicto no MMA, o sueco atuou pela terceira vez no ano, quando enfrentou Gerald Meerschaert e o nocauteou em apenas 17 segundos, com um golpe. Desde então, além de Thompson, Demian Maia foi apontado como seu possível oponente, porém nada foi confirmado.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments