Após criticar Jan Blachowicz, Daniel Cormier se rende ao novo campeão: ‘Inspiração para a nova geração’

Ex-campeão e atual comentarista parabeniza a volta por cima que o polonês deu em sua carreira e acredita que ele deve servir como exemplo aos demais atletas

D. Cormier (esq.) elogia J. Blachowicz (dir.). Foto: Reprodução/Instagram

A surpreendente vitória de Jan Blachowicz sobre Dominick Reyes, no UFC 253, parece ter mudado a opinião de Daniel Cormier a respeito do polonês. Anteriormente, ‘DC’ havia dito que a lentidão do mais novo campeão do peso meio-pesado (93kg) seria o principal fator para sua ruína, mas se redimiu ao enaltecer o feito do mesmo.

Na coletiva de imprensa pré-UFC Ilha da Luta 6, que será realizado neste sábado (17), em Abu Dhabi, o ex-campeão da organização e atual comentarista elogiou Blachowicz, acredita que ele merece ser respeitado e que sua volta por cima deve servir de inspiração para nova geração de lutadores de MMA.

Veja Também

Jan Blachowicz acusa Jon Jones de subir para o peso pesado por estar com medo: ‘Teme o lendário poder polonês’
Jan Blachowicz responde provocação feita por Israel Adesanya: ‘Não é o melhor nem no videogame’
Cris Cyborg vibra ao reeditar parceria com Rafael Cordeiro para sua primeira defesa de cinturão do Bellator
Daniel Cormier confessa fascínio por possível superluta entre Jon Jones e Israel Adesanya

“Blachowicz é um bom lutador e seu feito é inspirador. Ele deve motivar uma nova safra totalmente diferente de lutadores para que saibam que o topo não está fora de alcance. Já vimos Blachowicz perder, mas ele continuou a acreditar em si mesmo e em sua equipe, e, agora, é o campeão dos meio-pesados ​​do UFC. Não há asterisco. Jones saiu da categoria, ele conquistou o cinturão e merece ser respeitado. Estou animado para ver o que vai acontecer com os meio-pesados, porque Jones e eu a dominamos por uma década. Só nós tivemos o cinturão! Veremos se ele começa a mudar de mãos como uma batata quente ou se alguém consegue segurar”, disse Cormier.

‘DC’ também lembrou da rápida discussão que teve com o mesmo Blachowicz nas redes sociais e, apesar de se entenderem, informou que seguirá sendo sincero ao dar sua opinião.

“É uma loucura, porque se eu disser algo, Blachowicz vai responder. De repente, virei um alvo fácil. Me aposentei e vários lutadores estão me atacando. Eu elogiei Blachowicz por vencer Reyes, achei que ele foi fantástico, mas também falo verdades e ele não gostou muito. Blachowicz queria que eu lutasse com ele, mas tenho 41 anos e acabei de me aposentar”, finalizou.

Daniel Cormier, de 41 anos, atuou pela última vez em agosto de 2020, quando foi derrotado por Stipe Miocic na trilogia válida pelo cinturão do peso pesado (120,2kg). Após o revés, ‘DC’ se aposentou e foca na sua carreira como comentarista, flertando com uma possível ida ao WWE.

Aos 37 anos, Jan Blachowicz nocauteou o favorito Dominick Reyes, no segundo round, e se tornou campeão do peso meio-pesado do UFC, após um início turbulento na organização. Vale lembrar que, em 2017, o polonês quase chegou a ser cortado pelo retrospecto de quatro derrotas em seis lutas realizadas. Contudo, ‘Prince of Cieszyn’ não desistiu, perseverou e alcançou o lugar mais alto da categoria.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments