Presidente do Bellator afirma que não tem interesse em contratar Anderson Silva: ‘Feliz com o que temos’

Famoso por não dispensar lendas do MMA em sua organização, Scott Coker mostra respeito, mas surpreende com declaração sobre ‘Spider’

A. Silva é o maior nome da história do MMA brasileiro. Foto: Reprodução/Instagram

Conhecido por já ter negociado com diversas lendas e veteranos do MMA para se apresentarem no Bellator, o presidente da companhia, Scott Coker, surpreendeu ao tratar de um dos maiores nomes do esporte. Falando sobre Anderson Silva, que recentemente fez sua última luta pelo UFC, o ‘chefão’ mostrou respeito, mas contou que não tem interesse em contar com ‘Spider’ em seu plantel.

Veja Também

Whittaker lamenta final de carreira de Anderson Silva e garante que não vai lutar por tanto tempo: ‘É loucura!’
Com publicação misteriosa, empresário de Khabib sugere retorno do russo ao MMA
De volta aos leves, Dos Anjos mira o cinturão e deseja enfrentar McGregor: ‘Os fãs querem ver’

“Eu tenho muito respeito por ele (Anderson). Definitivamente, foi um dos melhores lutadores nas artes marciais mistas. Eu realmente não pensei nisso, mas acho que estou feliz como nossos atletas têm sido formados e com os lutadores que temos agora. Isso que tenho para dizer”, disse Coker, em coletiva de imprensa.

Ao longo dos anos, Scott ficou conhecido por não perder as oportunidades de permitir que atletas mais experientes prolongassem por mais alguns anos suas carreiras com as luvas do Bellator. Wanderlei Silva, Chael Sonnen, Fedor Emelianenko, Roy Nelson e Lyoto Machida são alguns dos exemplos.

Recentemente, no entanto, Coker deu sinais que sua forma de pensar pode estar mudando. O mandatário dispensou alguns de seus veteranos e passou em apostar em promessas no esporte, que podem render grandes lutadores no futuro.

Sobre Anderson, a lenda brasileira deixou o Ultimate após uma derrota dura para Uriah Hall, no fim de outubro. No confronto, o ex-campeão dos médios (até 83,9kg.), começou bem a luta, mas acabou sendo vítima da força física do adversário, perdendo por nocaute no quarto round.

Se, por um lado, Scott não tem interesse em contar com Silva, o mesmo pode se dizer do brasileiro, no momento. Um dia após o revés para Hall, Anderson, nas redes sociais, admitiu que está oficialmente aposentado do MMA.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments