Após período de inatividade, Ponzinibbio critica Ultimate por tirá-lo do ranking dos meio-médios | SUPER LUTAS

Após período de inatividade, Ponzinibbio critica Ultimate por tirá-lo do ranking dos meio-médios

Argentino cita exemplo de Brian Ortega para dizer que não concorda com as classificações do ranking

Após período de inatividade, S.Ponzinibbio critica Ultimate por tirá-lo do ranking dos meio-médios Foto: Reprodução/Facebook ufcbrasil

O peso meio-médio (até 77,1 kg) Santiago Ponzinibbio volta a lutar no UFC Ilha da Luta 7, que ocorre em 16 de janeiro. O argentino, que enfrenta o chinês Li Jingliang, está há dois anos e dois meses sem atuar e sofreu inúmeras lesões e cirurgias no passado. Com sete vitórias seguidas, ele ocupava a 15ª colocação na categoria, mas teve seu nome retirado após sua inatividade. Porém, o lutador critica o ranking e a escolha do Ultimate.

Veja Também

“Eles me tiraram (do ranking). Brian Ortega lutou três semanas depois de mim e ainda está lá. Eu perguntei, por que ele está no ranking apesar da inatividade? Por que ele ganha um evento principal e eu um oponente que não está classificado, como Jingliang?”, disse Ponzinibbio, em entrevista ao site norte-americano “Sherdog”.

Após citar o exemplo de Brian Ortega, Ponzinibbio ressaltou que é fã do norte-americano, mas reclamou da forma com que fazem as classificações do ranking no UFC.

“Eu amo Brian Ortega. Acho que ele merece, pois mostrou ao mundo que merece, venceu e pode se tornar um campeão. Não tenho nada contra ele. É apenas sobre nossa situação semelhante. Por esse motivo, repito, acho que as classificações (do ranking) são besteiras. Eu entro lá e faço meu trabalho. É isso aí. Eu represento minha cultura e meu povo da Argentina e da América Latina e coloco um show dentro do octógono”, concluiu.

Aos 34 anos, Ponzinibbio não luta desde novembro de 2018, no UFC Fight Night Buenos Aires, quando nocauteou Neil Magny. Com um histórico de 27 vitórias e três derrotas, o argentino possui uma sequência de sete triunfos em série.

Li Jingliang, de 32 anos, vem de derrota justamente contra Neil Magny no UFC 248. Ele sofreu o revés na decisão unânime dos juízes. Atualmente, o chinês tem um cartel de 17 resultados positivos e seis negativos.

A atração principal do UFC Ilha da Luta 7 será composta por Max Holloway x Calvin Kattar. Além disso, e os brasileiros Vanessa Melo e Carlos Felipe também entrarão em ação no card, enfrentando Sarah Moras e Justin Tafa, respectivamente.

Comentários

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments