Poirier sonha com luta sangrenta contra McGregor no UFC 257: 'Vamos ver quem é o melhor' | SUPER LUTAS

Poirier sonha com luta sangrenta contra McGregor no UFC 257: ‘Vamos ver quem é o melhor’

Norte-americano busca luta agressiva na sonhada revanche com o irlandês; embate pode definir o próximo desafiante ao título do peso leve

D. Poirier (foto) foi derrotado por C. McGregor em 2014. Foto: Reprodução/Instagram

Desde que Conor McGregor se tornou um fenômeno do MMA, muitos atletas querem um pedaço da lenda irlandesa. No próximo dia 23, pelo UFC 257, Dustin Poirier terá a sonhada oportunidade de trocar forças contra o irlandês pela segunda vez na carreira. Após derrota na primeira tentativa, o norte-americano não esconde a empolgação e promete um confronto violento no maior evento do mês.

Veja Também

“Se você está falando de estratégia, o que eu quero para nós dois é que estejamos pingando sangue, nos machucando e sofrendo logo no começo da luta. Aí, podemos descobrir quem é o verdadeiro lutador. É isso que eu quero. Quero estar sangrando no primeiro minuto do primeiro round”, afirmou o norte-americano, ao ‘This Past Weekend’.

Derrotado por McGregor em 2014, quando ainda atuavam no peso pena (até 65,7kg.), não há dúvidas de que Dustin, hoje, é um lutador diferente. De lá para cá, o atleta segue na elite dos leves e chegou, inclusive, a conquistar o título interino da divisão. Assim, o reencontro com o ‘Notório’, dirá muito sobre a evolução dos dois combatentes.

“Quero que estejamos sangrando e precisemos cavar fundo para ver quem é melhor, quem gostaria mais de estar ali, porque não há uma rede de segurança. Quero estar lá e eu sei disso. Quero descobrir se ele (McGregor) também quer”, finalizou.

Atual número dois no ranking da categoria liderada por Khabib Nurmagomedov, Poirier não se apresenta desde julho de 2020, quando superou Dan Hooker em uma das lutas mais emocionantes da temporada passada. McGregor, por sua vez, fará seu retorno ao octógono após um ano afastado. Em seu último compromisso, o irlandês atropelou Donald Cerrone no UFC 246.

Comentários

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments