Assistir o UFC 260 com Miocic x Ngannou | SUPER LUTAS

Cinco motivos para assistir ao UFC 260, com a revanche entre Miocic e Ngannou pelo título dos pesados

Com 10 lutas previstas, espetáculo deste final de semana terá ‘gigantes’ como protagonistas; Vicente Luque e Thominhas Almeida são atrações brasileiras

S. Miocic (esq.) tenta manter o cinturão dos pesados diante de F. Ngannou (dir.) no UFC 260. Foto: Reprodução/Instagram

Acabou a espera. Neste sábado (27), em Las Vegas (EUA), acontece a aguardada revanche entre Stipe Miocic e Francis Ngannou na disputa do cinturão dos pesos pesados (até 120,2kg.). Com a promessa de um grande show, o Ultimate programou um espetáculo que contará com 10 lutas, contando com dois brasileiros.

Veja Também

Na última luta da noite, Stipe Miocic tentará manter seu reinado diante do temido Francis Ngannou. Os lutadores se enfrentaram uma vez, em 2018, quando o norte-americano dominou o rival, mantendo o título na decisão unânime dos juízes, na ocasião.

Inicialmente, a penúltima apresentação do espetáculo marcaria o encontro entre Alexander Volkanovski e Brian Ortega, pelo cinturão dos penas (até 65,7kg.). Com Covid-19, o campeão acabou deixando o evento e o embate foi cancelado. Assim, o embate entre Tyron Woodley e Vicente Luque ganhou mais destaque.

Ainda no card principal, os fãs tupiniquins têm motivos para ficarem ligados. Promessa no peso galo (até 61,2kg.), Thominhas Almeida volta ao octógono e tenta afastar a má fase diante de Sean O’Malley, uma das grandes apostas do Ultimate para o futuro.

Para entrar no clima, nossa equipe selecionou cinco motivos para acompanhar o show. Confira:

1) Revanche histórica

F. Ngannou (dir.) foi amplamente dominado por S. Miocic em 2018. Foto: Reprodução/Facebook @ufc

Considerado um dos melhores pesos pesados no MMA de todos os tempos, Stipe Miocic quer seguir fazendo história no esporte. Buscando sua quinta defesa de cinturão na categoria, o norte-americano terá um velho conhecido à sua frente no fim de semana.

Três anos depois de trocar forças contra o temido Ngannou, Miocic precisará provar mais uma vez que é o melhor da divisão. Diante de um adversário conhecido por sua força física descomunal, o campeão terá que atuar de forma inteligente para não ser surpreendido.

Derrotado em 2018, Ngannou terá a segunda oportunidade de ostentar um título no Ultimate. Há três anos, o franco-camaronês não teve sucesso quando tentou destronar Stipe, que já ocupava o atual posto.

Vindo de quatro vitórias por nocaute em sequência, Francis quer mostrar que evoluiu como atleta. Para se manter no topo, Miocic precisará reescrever o roteiro do passado.

2) Quem enfrenta Jones?

Em 2021, J. Jones (centro) poderá trocar forças contra S. Miocic (esq.) e F. Ngannou (dir.). Foto: Reprodução/Twitter @JonnyBones

Não é segredo para ninguém que Jon Jones estará de olho no UFC 262. Maior nome da história dos meio-pesados (até 93kg.) do MMA, o norte-americano está se preparando para estrar no grupo até 120,2kg.).

Antes mesmo de se testar na divisão, ‘Bones’ foi confirmado pelo presidente da organização, Dana White, como o próximo desafiante ao cinturão. Assim, teoricamente, Jon enfrentará o vencedor da luta principal deste sábado.

Absoluto na divisão até 93kg. por cerca de 10 anos, ‘Bones’ busca um novo desafio em sua carreira. Nos últimos anos, o norte-americano tornou público seu desânimo em sua antiga categoria por não enxergar grandes adversários.

Fora dos meio-pesados desde agosto de 2020, quando abriu mão do cinturão e deu início ao processo de ganho de massa muscular, o atleta certamente fará alguma declaração após o evento.

3) Vicente Luque e a ‘luta da vida’

V. Luque (dir.) poderá cravar a dispensa de T. Woodley (esq.) no UFC 260. Foto: Reprodução/Instagram

Considerado uma das grandes promessas brasileiras para os meio-médios (até 77kg.), Vicente Luque está perto de fazer sua ‘luta da vida’ no UFC. Atual número 10 no ranking, o atleta trocará forças contra o ex-campeão da divisão, Tyron Woodley.

Mesmo em má fase na carreira, vindo de três reveses consecutivos, o norte-americano ainda é respeitado pelos membros da categoria. Líder do grupo entre 2016 e 2019, o atleta vive um momento atípico no Ultimate. Caso seja superado por Vicente, o atleta pode ser incluído na temida lista de dispensas e se despedir da companhia neste fim de semana.

Enquanto Tyron luta pelo seu emprego, Vicente precisará tirar vantagens da situação do rival. Com dois resultados positivos em sequências, um novo triunfo poderá colocar o brasileiro em condições de desafiar um rival do top 5.

4) Thominhas pressionado

T. Almeida (dir.) vem de três derrotas consecutivas no Ultimate. Foto: Reprodução/Instagram

Famoso pela agressividade com que conduz seus confrontos, Thominhas Almeida entra pressionado para seu compromisso do sábado. Diante do ‘xodó’ do Ultimate, Sean O’Malley, o brasileiro precisa vencer para se afastar de uma sequência de três derrotas.

Enquanto Almeida não pode vacilar, O’Malley quer mostrar que o tropeço sofrido em 2020 passou de mera fatalidade. O norte-americano, que chegou invicto no Ultimate, acabou duramente batido por Marlon Vera, com um nocaute ainda no primeiro round.

Com 29 anos, Thominhas, que passou quase três anos sem se apresentar por lesões, hoje, soma 26 lutas como profissional no MMA. Sem vencer desde 2016, o paulista soma 22 triunfos e quatro reveses no esporte.

5) Primo de Khabib na área

A. Nurmagomedov (esq.) posa ao lado da lenda do MMA. Foto: Reprodução/Instagram

No card preliminar do evento, um sobrenome chamará a atenção dos espectadores. Na quarta luta da noite, Abubakar Nurmagomedov, primo do lendário Khabib, subirá no octógono.

Representante dos meio-médios (até 77kg.), tentará sua primeira vitória com as luvas da organização. Vindo da PFL (Professional Fighters League), o atleta não teve êxito em sua estreia no UFC, em novembro de 2019, quando acabou finalizado por David Zawada.

Neste sábado, no entanto, o russo poderá somar o ‘tento’ no embate contra Jared Gordon, que também vem de revés e quer o vencer a primeira na companhia.

Ficha técnica do UFC 260

Data: 27 de março de 2021

Horário: A partir das 20h (horário de Brasília)

Local: UFC Apex, Las Vegas, Estados Unidos

Como assistirSUPER LUTAS AO VIVO em tempo real e Canal Combate (todo o card) pela TV

CARD PRINCIPAL (23h, horário de Brasília)

Peso pesado: Stipe Miocic x Francis Ngannou – Luta pelo cinturão

Peso meio-médio: Tyron Woodley x Vicente Luque

Peso galo: Sean O’Malley x Thomas Almeida

Peso mosca: Gillian Robertson x Miranda Maverick

Peso leve: Jamie Mullarkey x Khama Worthy

CARD PRELIMINAR (20h30, horário de Brasília)

Peso meio-pesado: Alonzo Menifield x Fabio Cherant

Peso meio-médio: Jared Gooden x Abubakar Nurmagomedov

Peso meio-pesado: Modestas Bukauskas x Michal Oleksiejczuk

Peso pena: Shane Young x Omar Morales

Peso médio: Marc-André Barriault x Abu Azaitar

Comentários

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments