Após exigência dos EUA sobre vacinação, Dana White planeja voltar mais vezes a ‘Ilha da Luta’

Após o governo norte-americano exigir vacinação contra Covid-19 para estrangeiros, o mandatário admite que pode 'fugir' novamente para Abu Dhabi

D. White em entrevista pós-Contender Series. (Foto: Reprodução/Youtube)

Após a Casa Branca anunciar a exigência de vacinação contra Covid-19 para estrangeiros trabalharem nos EUA, Dana White já planeja recorrer a um (nem tão) novo ‘plano B’ para poder realizar os eventos do UFC sem maiores problemas. O presidente da organização admitiu que voltará a usar mais vezes a ‘Ilha da Luta’ como sede dos cards do Ultimate.

PUBLICIDADE:

LEIA MAIS: Borrachinha está de volta! Relembre as vitórias do brasileiro no UFC

Veja Também

“Eu acho que ‘Ilha da Luta’ vai estar a pleno vapor novamente. Estamos procurando fazer mais eventos lá. Vou para Abu Dhabi na próxima quarta-feira, então terei muitas reuniões. Estou morrendo de vontade de mostrar a vocês o que está acontecendo em Abu Dhabi de qualquer maneira, então nesta viagem eu tentarei fechar tudo”, disse Dana.

PUBLICIDADE:

Na última terça-feira (19), o UFC divulgou um comunicado aos seus lutadores avisando que, por exigência da Casa Branca, estrangeiros que não moram no país só poderão se apresentar nos Estados Unidos caso sejam vacinados contra a Covid-19. A medida vai de encontro a opinião da empresa, que anteriormente,  avisou aos seus atletas que não obrigaria ninguém a se vacinar.

O próximo card do Ultimate em Abu Dhabi será no dia 30 de outubro. O UFC 267 será encabeçado pela disputa do cinturão dos meio-pesados (até 93kg) entre o campeão Jan Blachowicz e o brasileiro Glover Teixeira.

PUBLICIDADE:

Podcast #39: Prévia de Aldo, Charles e Amanda + 14 anos de SUPER LUTAS