Max Holloway vence ‘guerra’ contra Yair Rodriguez e se aproxima de uma nova disputa de título

Na luta principal do UFC Vegas 42, o havaiano saiu vitorioso após 25 minutos de uma intensa batalha e se credenciou para a trilogia contra Alexander Volkanovski

M. Holloway venceu a sua segunda luta consecutiva no UFC Foto: Instagram

Ex-campeão dos penas (até 65,7k), Max Holloway mostrou de vez que merece a trilogia contra o campeão Alexander Volkanovski. Diante de Yair Rodriguez no UFC Las Vegas 42, o havaiano travou uma ‘guerra’ e saiu vencedor na decisão unânime dos juízes. O duelo encabeçou o espetáculo desse sábado (13).

PUBLICIDADE:

Com o resultado, Holloway consegue a sua segunda vitória consecutiva e se credencia de vez para uma nova disputa de cinturão. O havaiano agora possui um cartel de 23 triunfo e seis reveses no MMA profissional. Por outro lado, Yair Rodriguez vê a sua sequência de duas vitórias seguidas ser quebrada e agora marca 13 resultados positivos e três negativos no esporte.

Veja Também

A luta

Max começou o duelo tentando encurralar Yair na grade. O mexicano chegou a tropeçar a cair, mas logo ficou de pé novamente. Rodriguez acertou um chute baixo seguido de dois cruzados em Holloway. O ‘Pantera’ acertou mais dois chutes baixos mas recebeu um direto limpo no rosto de contra golpe. Os dois atletas passaram a trocar golpes de forma franca no centro do octógono. Yair pegou as costas de Holloway e tentou botá-lo para baixo, mas o ex-campeão se manteve firme em pé. O Pantera caiu no chão ao se desvencilhar, Max tentou pressioná-lo no chão, porém, soou o gongo que marcava o fim do primeiro round.

PUBLICIDADE:

Holloway voltou para a segunda parcial tentando pressionar Yair, mas levou um direto limpo no rosto. O mexicano provocava o ex-campeão ficando de guarda baixa diante dele. Os dois lutadores mostravam um boxe afiado. Rodriguez tentava minar a base do seu rival com mais chutes baixos. Max tentava encurtar a distância, mas, o mexicano se mostrava perigoso nos contragolpes. Yair encosta na grade e recebe uma joelhada no peito de Holloway. Yair se desequilibra mais uma vez e novamente é salvo pelo gongo.

Max continuava tomando o controle das ações no terceiro round mas a luta continuava bastante aberta. Rodriguez vai ao chão e Holloway quase encaixa uma finalização no seu rival. Por cima do mexicano, o ex-campeão golpeia Yair de forma incessante. O ‘Pantera’ se defende de forma desesperada para não ser finalizado ou golpeado pelo ‘Abençoado’. Os dois atletas ficam de pé novamente e dessa vez é Rodriguez que tenta derrubar Max,que responde com um jab seguido de um direto. Max mergulha nas pernas de Rodriguez e o derruba, o ex-campeão consegue a montada e termina o assalto golpeando no ground and pound.

PUBLICIDADE:

A quarta parcial começou com Yair tentando acertar um pisão no rosto de Holloway. Os dois atletas flertavam com o perigo e abusavam da trocação franca. Holloway tentou encaixar uma guilhotina em pé, porém, Rodriguez é mais esperto e sai da posição. Max segue por cima, golpeando na guarda do seu rival. O ex-campeão passa a guarda novamente e consegue a montada. O mexicano tentava sobreviver a tempestade. Já de pé novamente, Rodriguez tentava surpreender Max com suas cotoveladas giratórias. De forma não intencional, Holloway acerta uma dedada no olho do Pantera. Yair passa a tentar os chutes altos seguidos de cotoveladas para golpear o abençoado.

PUBLICIDADE:

O quinto e último assalto começou com Yair tentando pressionar Max mas sendo respondido por uma boa sequência de combinações. Holloway encurtou e acertou uma joelhada no peito do Pantera. Yair tenta um golpe rodado mas leva um contragolpe e vai ao chão. Max tenta montar mas Yair faz uma linda transição e fica por cima para tentar finalizar o ex-campeão. Os dois atletas voltam a trocação e começam a demonstrar um pequeno desgaste. Rodriguez tenta um chute baixo e recebe um direto como resposta. Os lutadores terminam o combate no clinch, próximo a grade.

RESULTADOS DO UFC LAS VEGAS 42

CARD PRINCIPAL

Peso pena: Max Holloway derrotou Yair Rodriguez na decisão unânime dos juízes (49-46, 48-47,48-47)

Peso pesado: Marcos Pezão derrotou Ben Rothwell por nocaute técnico (socos) aos 32s do R1

Peso pena: Felicia Spencer derrotou Leah Letson por nocaute técnico (socos) aos 4m25s do R3

Peso meio-médios: Khaos Williams derrotou Miguel Baeza por nocaute técnico (socos) aos 1m02s do R3

Peso galo: Song Yadong derrotou Julio Arce por nocaute técnico (socos) aos 1m35s do R2

CARD PRELIMINAR

Peso leve: Joel Alvarez derrotou Thiago Moisés por nocaute técnico a 3m01s do R1

Peso mosca: Andrea Lee derrotou Cynthia Calvillo por nocaute técnico a 5m do R2

Peso pena: Sean Woodson derrotou Collin Anglin por nocaute técnico a 4m30s do R1

Peso mosca: Cortney Casey derrotou Liana Jojua na decisão unânime dos juízes (30-27, 30-27, 30-27)

Peso leve:  Rafael Alves finalizou Marc Diakiese com uma guilhotina a 1m48s do R1

Peso meio-pesado: Da Un Jung derrotou Kennedy Nzechukwu por nocaute técnico a 3m04s do R1

Podcast #40: José Aldo ainda pode ser campeão no UFC?