Fora de luta contra Marvin Vettori no UFC 275, Robert Whittaker espera que confronto seja remarcado

Ex-campeão justifica saída de confronto que aconteceria em 11 de junho e não descarta negociar luta no futuro

R. Whittaker em coletiva pelo UFC. Foto: Reprodução/Instagram

Fora de ação para o aguardado confronto contra Marvin Vettori, Robert Whittaker não descarta enfrentar o italiano no futuro. Em entrevista ao ‘Submission Radio’, o ex-campeão dos médios (até 83,9kg.) explicou sua ausência no UFC 275. Parte da decisão de deixar o combate está no respeito que tem pelas qualidades do rival.

PUBLICIDADE:

Veja Também

“Não quer falar muito sobre isso, porque não quero exaltar minha lesão, mas foi algo que tomei. (…) Ainda não tinha assinado o contrato, então, estava tranquilo quanto a me recuperar. Depois, a luta foi confirmada e tudo se alinhou. (…) Eu estava ansioso para voltar ao octógono e a trabalhar. Fui à academia na mesma semana e senti dor. Não estava conseguindo atuar da maneira que eu gostaria e não estava confortável com a forma que as coisas estavam se encaminhando”, afirmou Whittaker.

Fora de um dos maiores eventos do UFC na temporada 2022, Robert destacou que um dos motivos de ter deixado o card foi o respeito pelo italiano. Para o ex-campeão, se apresentar fora das condições ideais seria um grande risco diante das qualidades do oponente.

PUBLICIDADE:

“Não é como se Vettori fosse um idiota. É uma demonstração de respeito. Não quero enfrentar Vettori a menos que eu esteja 100% fisicamente. Ele perdeu apenas para os mesmos adversários que eu. Ele está no topo por um motivo. Preciso respeitar e levar a sério. (…) Ainda quer enfrentar Vettori. É uma grande luta para mim e quero que aconteça. Preciso apenas de um pouco mais de tempo”, encerrou.

Um dos maiores nomes na história recente do peso médio no MMA, Whittaker busca se recuperar da derrota sofrida diante do atual campeão da categoria, Israel Adesanya, em luta válida pelo cinturão. Marvin, por sua vez, quer ampliar o bom momento. No fim da temporada passada, o italiano superou Paulo Borrachinha em verdadeira batalha no octógono.

PUBLICIDADE:

Podcast #67: Durinho fez o pix para Yanex após nocaute em lutador que falou mal do Brasil + UFC Austin: card do ano