Escalado de última hora para o UFC Las Vegas 63, Carlos Mota vai mal e perde em estreia

Representante dos moscas, brasileiro tem atuação apagada e acaba superado por Cody Durden na decisão dos juízes

C. Durden derrotou C. Mota no UFC Las Vegas 63. Foto: Reprodução/Instagram

Escalado de última hora para substituir Kleydson Rodriguez no UFC Las Vegas 63, realizado neste sábado (29), Carlos Mota deixou a desejar em sua estreia no Ultimate. Adversário de Cody Durden no card preliminar, o peso mosca (até 56,7kg.) acabou amplamente dominado e sucumbiu à estratégia do rival, que abusou da luta agarrada. Ao fim de três rounds, o norte-americano foi declarado vencedor na decisão unânime dos juízes.

Com a derrota, Mota teve encerrada uma sequência dois resultados positivos. Ex-campeão da LFA, o brasileiro, agora, soma dois reveses em 10 confrontos disputados.

PUBLICIDADE:

Veja Também

Vitorioso em embate estratégico, Durden chegou ao segundo triunfo seguido. O triunfo também faz com que o lutador respire aliviado no Ultimate, já que somava apenas duas conquistas em cinco compromissos.

A luta

O confronto começou com Durden tomando a iniciativa com um chute alto, que parou na guarda do brasileiro. Ainda no primeiro minuto, Cody encaixou um direto limpo no rosto de Carlos, que foi ao chão. O norte-americano conseguiu passar a guarda e buscava as transições. Na metade da etapa, por baixo, Mota arriscou uma chave de braço, mas Durden se defendeu bem. Perto do minuto final, Cody passou a agredir no ground and pound, enquanto o tupiniquim se protegia. O round acabou com o norte-americano pressionado por cima.

PUBLICIDADE:

No segundo round, Durden buscou uma queda ainda nos segundos iniciais. O norte-americano insistia na ação e pressionava o brasileiro contra as grades. Carlos acabou caindo após novas investidas do rival. Por cima, Cody agredia no ground and pound e seguia tentando as transições. Perto do minuto final, Mota tentou uma nova chave de braço, mas, de novo, Durden conseguiu se defender. Nos segundos finais, o norte-americano passou a agredir com golpes de cima para baixo, lançando socos e cotoveladas sobre o brasileiro. O round acabou com domínio absoluto de Cody.

O último assalto começou com Durden novamente tentando a queda. O brasileiro, porém, se aproveitou um descuido do oponente e ameaçou uma chave de calcanhar. Cody se protegeu e reverteu a posição, conseguindo chegar às costas. O norte-americano golpeava e buscava encontrar uma brecha para um mata-leão. Com três minutos passados, Carlos conseguiu ‘explodir’ e ficou de pé. O brasileiro apostava na trocação e queria se recuperar dos prejuízos iniciais. Quase no minuto final, Durden voltou a derrubar e impôs nova posição de desvantagem ao tupiniquim. Nos segundos finais, Mota ficou de pé, mas não havia mais tempo.

PUBLICIDADE:

Roman Dolidze atropela Phil Hawes no primeiro round

R. Dolidze em vitória pelo UFC. Foto: Reprodução/Instagram

Protagonista na luta que encerrou o card preliminar do UFC Las Vegas 63, Roman Dolidze fez valer a fama de nocauteador. Representante do peso médio (até 83,9kg.), o lutador se aproveitou de uma possível lesão no joelho de Phil Hawes e não deu chances ao rival. Afiado na trocação, o combatente levou o triunfo na via rápida, após uma sequência precisa de cruzados.

Com a vitória, Dolidze amplia o bom momento. Agora, o atleta soma três resultados positivos em sequência.

PUBLICIDADE:

Superado no evento, Hawes não conseguiu emplacar sua sequência de triunfos. O peso médio, então, perde a segunda em seis apresentações no UFC.

Jun Yong Park finaliza e amplia bom momento

J. Park encaixa mata-leão em J. Holmes. Foto: Reprodução/Instagram

Depois de um primeiro round marcado pelo equilíbrio, Ju Yong Park ‘abriu a caixa de ferramentas’ para vencer mais uma o Ultimate. Adversário de Joseph Holmes no card preliminar, o peso médio (até 83,9kg.) teve paciência e conseguiu o triunfo na via rápida. Com um mata-leão na segunda etapa, o sul-coreano chegou ao resultado positivo.

Com o triunfo, Park amplia seu bom momento. O atleta chega ao segundo resultado positivo em sequência.

Vítima do jiu-jitsu de Yong, Holmes sofreu o primeiro revés com as luvas do Ultimate. Antes da derrota, o lutador acumulava nove vitórias consecutivas.

Promessa de 23 anos acaba surrado e perde terceira no UFC

C. Hooper foi nocauteado por S. Garcia no UFC Las Vegas 63. Foto: Reprodução/Instagram

Famoso por seu jiu-jitsu de excelência, Chase Hooper se arriscou na trocação e acabou levando a pior. Adversário de Steve Garcia Jr. no card preliminar, o jovem de 23 anos acabou sofrendo um verdadeiro massacre diante do rival. Vítima da potência e precisão do adversário, a promessa foi superada por nocaute técnico ainda no primeiro round.

Com o revés, Hooper teve o sinal de alerta ligado. O tropeço marcou a terceira derrota do jovem em seis apresentações no Ultimate.

Protagonista de uma atuação de gala, Garcia tem motivos de sobra para comemorar. Antes de subir no octógono para o UFC Las Vegas 63, o lutador havia perdido dois de três compromissos.

Christian Rodriguez dá show e finaliza no primeiro round

C. Rodriguez encaixa triângulo de mão em J. Weems. Foto: Reprodução/Instagram

Em seu segundo compromisso com as luvas do Ultimate, Christian Rodriguez respira aliviado na organização. Após perder em seu debute, o atleta deu show de técnica no confronto contra o estreante Joshua Weems. Afiado no jiu-jitsu, o atleta se aproveitou de um descuido do rival para finalizar o embate com um triângulo de mão ainda no primeiro round.

Com o resultado positivo, Rodriguez conquista seu primeiro triunfo no UFC. Revelado pelo ‘Dana White’s Contender Series’, o atleta, agora, soma oito vitórias em nove apresentações.

Superado no embate que abriu o UFC Las Vegas 63, Joshua Weems não teve êxito na estreia. O revés marcou o terceiro tropeço do lutador em 14 desafios.

Estatísticas do UFC Las Vegas 63

Relação de lutas do UFC Las Vegas 63

CARD PRINCIPAL 

Peso pena (até 65,7kg.): Calvin Kattar x Arnold Allen

Peso meio-médio (até 77kg.): Tim Means x Max Griffin

Peso pesado (até 120,2kg.): Waldo Cortes-Acosta x Jared Vanderaa

Peso médio (até 83,9kg.): Tresean Gore x Josh Fremd

Peso meio-pesado (até 93kg.): Dustin Jacoby x Khalil Rountree Jr.

CARD PRELIMINAR 

Peso médio (até 83,9kg.): Roman Dolidze derrotou Phil Hawes por nocaute a 4m09s do R1

Peso pesado (até 120,2kg.):  Marcos Pezão finalizou Andrei Arlovski com um mata-leão a 1m50s do R1

Peso médio (até 83,9kg.): x Jun Yong Park finalizou Joseph Holmes com um mata-leão a 3m04s do R2

Peso pena (até 65,7kg.): Steve Garcia Jr. derrotou Chase Hooper por nocaute técnico a 1m32s do R1

Peso mosca (até 56,7kg.): Cody Durden derrotou Carlos Mota na decisão unânime dos juízes (30-27, 29-28, 29-28)

Peso galo (até 61,2kg.): Christian Rodriguez finalizou Joshua Weems com um triângulo de mão a 4m07s do R1

Leia Mais sobre: , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,


Resultados do UFC Las Vegas 90 Resultados do UFC Atlantic City Resultados do UFC Las Vegas 89 Resultados do UFC Las Vegas 88 Resultados do UFC 299