Dedo no olho gera polêmica em derrota de Bruno Blindado para Chris Weidman no UFC Atlantic City

Norte-americano desfere dedo no olho, mas vence luta contra brasileiro em decisão polêmica neste sábado (30)

Na noite deste sábado (30), o octógono do UFC Atlantic City foi palco de um confronto eletrizante e controverso entre Bruno Blindado e o ex-campeão Chris Weidman, válido pela divisão dos pesos médios (até 83,9kg.). Apesar da bravura demonstrada pelo brasileiro, a vitória por decisão unânime coube ao norte-americano, em um resultado que gerou polêmica devido a lances questionáveis envolvendo dedos nos olhos do adversário.

Blindado, de 34 anos, não conseguiu sua redenção. Contratado pelo UFC em 2021, o brasileiro iniciou sua trajetória com três vitórias consecutivas, mas posteriormente amargou cinco derrotas em seis lutas. O brasileiro tem, agora, um cartel de 23 triunfos e 11 reveses.

PUBLICIDADE:

Veja Também

Lutador com passagem pela polícia é massacrado e nocauteado no UFC Atlantic City. Foto: Reprodução/Twitter UFC
Árbitro divide opiniões ao interromper luta no UFC Atlantic City. Foto: Reprodução/Twitter/UFC News

Longe de seu melhor momento, Weidman voltou a vencer uma luta após quatro anos. Aos 39 anos, o norte-americano, que é carrasco de brasileiros e já venceu Anderson Silva, Demian Maia, Lyoto Machida e Vitor Belfort, soma 16 resultados positivos e sete negativos.

Dedo no olho e polêmica marcam derrota de Blindado para Weidman no UFC

Em busca de redenção após uma série de resultados adversos, Blindado iniciou o combate de forma cautelosa, enquanto Weidman buscava impor seu ritmo com golpes potentes. O norte-americano dominou o primeiro round, utilizando sua experiência para controlar a distância e conectar os melhores golpes.

PUBLICIDADE:

No segundo assalto, Blindado voltou com ímpeto renovado, acertando um belo direto que derrubou Weidman. O brasileiro pressionou o adversário, mas a luta foi marcada por um momento controverso: um dedo no olho de Blindado, que o fez cambalear e perder momentaneamente a visão. Apesar do incidente, o árbitro optou por dar continuidade à luta.

Dedo no olho gera polêmica em derrota de Bruno Blindado para Chris Weidman no UFC. Foto: Reprodução/Twitter/@UFC

Dedo no olho gera polêmica em derrota de Bruno Blindado para Chris Weidman no UFC. Foto: Reprodução/Twitter/@UFC

PUBLICIDADE:

O terceiro round foi marcado por mais um dedo no olho de Blindado, desta vez com maior impacto. O brasileiro caiu no chão e Weidman, aproveitando a oportunidade, partiu para o ataque final, no que culminou na interrupção do combate pelo árbitro.

Weidman provoca Blindado

Ao final da luta, Weidman, com 39 anos e um histórico de cirurgias, exaltou sua perseverança e dedicação ao esporte. O norte-americano também fez críticas à postura de Blindado em relação aos lances com dedos nos olhos.

“Com 39 anos, com várias cirurgias e eu sigo lutando. Eu também levei dedada no olho, mas aqui vai meu conselho: você não pode cair assim se toma uma dedada no olho. Ele fez a mesma coisa três vezes. Aqui vai meu recado para o Bruno”, afirmou Weidman.

PUBLICIDADE:

Resultados do UFC Atlantic City

CARD PRINCIPAL

Peso mosca (até 56,7 kg): Manon Fiorot derrotou Erin Blanchfield na decisão unânime dos juízes (50-45, 50-45, 50-45)

Peso meio-médio (até 77,1 kg): Joaquin Buckley derrotou Vicente Luque por nocaute técnico a 3m17s do R2

Peso médio (até 83,9 kg): Chris Weidman derrotou Bruno Blindado na decisão unânime dos juízes (30-27, 30-27, 30-27)

Peso médio (até 83,9 kg): Nursulton Ruziboev derrotou Sedriques Dumas por nocaute técnico a 3m18s do R1

Peso pena (até 65,7 kg): Kyle Nelson derrotou Bill Algeo por nocaute técnico a 4m do R1

CARD PRELIMINAR 

Peso pena (até 65,7 kg): Nate Landwehr derrotou Jamall Emmers por nocaute (socos) a 4min43s do R1

Peso palha (até 52,1 kg): Virna Jandiroba derrotou Lupita Godinez na decisão unânime dos juízes (29-28, 29-28, 30-27)

Peso pena (até 65,7 kg): Julio Arce derrotou Herbert Burns por nocaute técnico (socos) a 2min do R2

Peso pena (até 65,7 kg): Dennis Buzukja derrotou Connor Mathews por nocaute técnico (socos) a 22s do R3

Peso meio-pesado (até 93 kg): Ibo Aslan derrotou Anton Turkalj por nocaute (soco) a 1min32s do R3

Peso médio (até 83,9 kg): Jacob Malkoun derrotou Andre Petroski por nocaute técnico (socos) a 39s do R2

Peso galo (até 61,2 kg): Caolan Loughran derrotou Angel Pacheco na decisão unânime dos juízes (30-27, 30-27, 30-26)

Leia Mais sobre: , ,


Resultados do UFC 300 Resultados do UFC Las Vegas 90 Resultados do UFC Atlantic City Resultados do UFC Las Vegas 89 Resultados do UFC Las Vegas 88