Avassaladora, Ronda Rousey massacra Bethe Correia em menos de um minuto

Campeã aceita trocação franca com a brasileira e aplica nocautaço com 34 segundos de luta no UFC 190

R. Rousey (foto) conseguiu mais uma finalização por chave de braço. Foto: Josh Hedges/UFC

R. Rousey (foto) massacrou Bethe no Brasil. Foto: Josh Hedges/UFC

Veja Também

Participe da promoção e concorra a um exemplar da biografia de Ronda Rousey
Shogun vira pra cima de Minotouro e vence revanche no UFC 190
Minotauro volta a lutar mal e é derrotado por Struve no card principal do UFC 190
UFC 190: atropelo de Demian e vitória de Warlley são destaques do card preliminar

Novamente, não durou nem um minuto. Com uma performance avassaladora, Ronda Rousey nocauteou Bethe Correia para manter o título da divisão galo feminina na luta principal do UFC 190, evento realizado na madrugada deste domingo (2) no Rio de Janeiro.

Com a torcida dividida, mas em maior número para a brasileira, a campeã partiu para cima com tudo da desafiante, aceitando a trocação franca. Rousey claramente acuou Bethe, que tentava responder com socos sempre que podia. Ronda tentou uma queda e derrubou a brasileira, que rapidamente se levantou.

No entanto, Correia estava claramente atordoada. Percebendo isso, Rousey foi com tudo, prensando a brasileira na grade e desferindo vários socos. Um cruzado de direita acertou a cabeça de Bethe, que caiu apagada no octógono.

O tempo oficial da luta foi 34s. Esta foi a sexta defesa de título de Rousey no UFC desde que foi coroada campeã; já Bethe sofre sua primeira derrota no MMA profissional, ficando, assim, com 9-1.

Resultados do UFC 190:

CARD PRINCIPAL

Ronda Rousey derrotou Bethe Correia por nocaute no R1;

Maurício Shogun derrotou Rogério Minotouro na decisão unânime dos juízes

Glaico França derrotou Fernando Açougueiro por finalização no R3;

Reginaldo Vieira derrotou Dileno Lopes na decisão unânime dos juízes;

Stefan Struve derrotou Rodrigo Minotauro na decisão unânime dos juízes;

Antônio Pezão derrotou Soa Palelei por nocaute técnico no R2;

Cláudia Gadelha derrotou Jessica Aguilar na decisão unânime dos juízes;

CARD PRELIMINAR

Demian Maia derrotou Neil Magny por finalização no R2;

Patrick Cummins derrotou Rafael Feijão por nocaute técnico no R3;

Warlley Alves derrotou Nordine Taleb por finalização no R2;

Iuri Marajó derrotou Leandro Brodinho na decisão unânime dos juízes;

Vitor Miranda derrotou Clint Hester por nocaute técnico no R2;

Guido Cannetti derrotou Hugo Wolverine na decisão unânime dos juízes

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments