Vitor Belfort encara Gegard Mousasi no UFC 204

Brasileiro tenta recuperação no octógono em busca do cinturão dos médios no mesmo evento em que Bisping defenderá o título pela primeira vez

Vitor (foto) perdeu para Anderson em 2011. Foto: Josh Hedges/UFC

Vitor (foto) volta ao octógono UFC 204. Foto: Josh Hedges/UFC

Vitor Belfort está de retorno marcado ao octógono. O veterano lutador, de 39 anos, fara sua 38ª luta como profissional no UFC 204, evento que acontece dia 8 de outubro, em Manchester, na Inglaterra. O brasileiro, quarto colocado no ranking do peso médio, encara Gegard Mousasi, sétimo na classificação.

UFC 201: FAÇA SUAS APOSTAS NA MARSBET

Veja Também

USADA inocenta lutador do UFC após violação antidoping
McGregor se encontra com Cristiano Ronaldo e garante: ‘Quero vingança’
Werdum apoia reclamações de Hunt e propõe uso de TRT para todos os lutadores
Holm x Shevchenko tem quinta maior audiência do UFC em TV aberta

O UFC 202 trará colo luta principal outro duelo no peso médio. O inglês Michael Bisping, que já foi nocauteado por Belfort em 2013, irá defender o título da divisão contra Dan Henderson.

Na tarde desta quarta-feira (27), Belfort anunciou em um post no Instagram que estava assinando o contrato para sua próxima luta, sem revelar maiores detalhes. Na sequência, no início da noite, o site do canal Combate revelou o adversário e a data para a disputa.

Vitor Belfort tem um cartel profissional de 25 vitórias e 12 derrotas. O brasileiro, que já foi campeão do UFC no meio-pesado (até 93 kg.) e vencedor de um torneio entre os pesados (até 120 kg.) tenta retomar a corrida pelo cinturão dos médios (até 84 kg.), que já disputou em duas oportunidades sendo derrotado por Anderson Silva e Chris Weidman. O carioca vem de derrota para o compatriota Ronaldo Jacaré no UFC 198, evento realizado em Curitiba, em maio.

Já Mousasi, de 30 anos, também tem bastante experiência no MMA. O iraniano naturalizado holandês  tem 48 lutas como profissional com 39 vitórias, seis derrotas e dois empates. Gegard fará sua terceira luta consecutiva contra brasileiros, já vem  de triunfos sobre Thales Leites e Thiago Marreta, no UFC 200, no início deste mês.

 

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments