Cyborg fatura quase R$ 8 mil por segundo de salários no UFC 222

Cyborg, que derrotou Kunitskaya na luta principal do evento, faturou US$ 500 mil por sua atuação; Veja a lista completa dos salários

Cyborg fatura quase R$ 8 mil por segundo no UFC 222. Foto: Reprodução / Twitter / ufc_brasil

Principal estrela do UFC 222, Cris Cyborg não decepcionou. A brasileira precisou de pouco mais de três minutos para nocautear Yana Kunitskaya e defender o cinturão peso pena feminino no evento realizado no último sábado (03), em Las Vegas (EUA). Por seu desempenho, ela faturou o maior salário* do show.

Veja Também

Infográfico: Cyborg acertou mais de 30 golpes significativos em Kunitskaya
Cyborg frustra Dana White e recusa enfrenta Amanda Nunes no UFC 224, no Rio
Vídeo: Assista à vitória de Cris Cyborg sobre Yana Kunitskaya no UFC 222
UFC 222: Cyborg atropela russa, defende cinturão e aceita desafio de Amanda Nunes

A Comissão Atlética de Nevada, entidade responsável por sancionar o evento, divulgou as bolsas pagas aos atletas e Cyborg embolsou US$ 500 mil, cerca de R$ 1,625 milhão na cotação atual, por sua atuação. O valor equivale a R$ 7.927 por segundo no octógono. Já sua rival, Kunitskaya levou US$ 100 mil para a Rússia.

Os outros brasileiros no evento tiveram rendimentos mais modestos: Ketlen Vieira, que bateu Cat Zingano na abertura do card principal, embolsou US$ 60 mil, incluindo US$ 30 mil de bônus pela vitória. A brasilo-americana Mackenzie Dern levou US$ 50 mil (US$ 25 de bônus pela vitória) em sua estreia vitoriosa diante de Ashley Yoder. Já Pedro Munhoz, que foi superado por John Dodson na decisão, faturou US$ 34 mil.

Confira abaixo a lista dos salários de todos os atletas que se apresentaram no UFC 222.

Salários do UFC 222

Card Principal

Cris Cyborg (US$500 mil sem bônus pela vitória) derrotou Yana Kunitskaya (US$100 mil)

Brian Ortega (US$100 mil + US$100 mil de bônus pela vitória = US$200 mil) derrotou Frankie Edgar (US$195 mil)

Sean O’Malley (US$22 mil + US$22 mil de bônus pela vitória = US$44 mil) derrotou Andre Soukhamthath (US$19 mil)

Andrei Arlovski (US$275 mil + sem bônus pela vitória) derrotou Stefan Struve (US$77 mil)

Ketlen Vieira (US$30 mil + US$30 mil de bônus pela vitória = US$60 mil) derrotou Cat Zingano (US$35 mil)

Card Preliminar

Mackenzie Dern (US$25 mil + US$25 mil de bônus pela vitória = US$50 mil) derrotou Ashley Yoder (US$12 mil)

Alexander Hernandez (US$13 mil + US$13 mil de bônus pela vitória = US$26 mil) derrotou Beneil Dariush (US$48 mil)

John Dodson (US$41 mil + US$41 mil de bônus pela vitória = US$82 mil) derrotou Pedro Munhoz (US$34 mil)

C.B. Dolloway (US$46 mil + US$46 mil de bônus pela vitória = US$92 mil) derrotou Hector Lombard (US$62 mil)

Zak Ottow (US$18 mil + US$18 mil de bônus pela vitória = US$36 mil) derrotou Mike Pyle (US$55 mil)

Cody Stamann (US$20 mil + US$20 mil de bônus pela vitória = US$40 mil) derrotou Bryan Caraway (US$21 mil)

Jordan Johnson (US$14 mil + US$14 mil de bônus pela vitória = US$28 mil) derrotou Adam Milstead (US$12 mil)

* Os salários não incluem o valor de uniformes pagos pela Reebok, bônus de performance no evento e possíveis gratificações extras enviadas aos atletas pelo UFC

Notícias relacionadas