UFC Singapura: Donald Cerrone x Leon Edwards – Resultados

Siga os resultados do UFC Singapura com os brasileiros Viviane Sucuri e Felipe Sertanejo em ação

Siga os resultados do UFC Singapural. Foto: Reprodução / Facebook UFC

Em meio a emoção da Copa do Mundo de Futebol, o fã que acordar mais cedo neste sábado (23) poderá entrar no clima com o UFC Fight Night Singapura. O show, que traz 13 duelos em seu programa de lutas, tem dois brasileiros em ação.

Veja Também

Lyoto Machida deixa UFC e acerta contrato com o Bellator
UFC Singapura: Leon Edwards é favorito contra Donald Cerrone

No card preliminar, Viviane Sucuri encara Yan Xiaonan, enquanto Felipe Sertanejo mede forças diante de Yadong Song.

A luta principal da noite promete agitar a manhã dos espectadores. Pela divisão de meio-médios, Donald Cerrone encara Leon Edwards, em um duelo cercado de expectativa e provocações de ambos os lados.

Fique ligado por aqui para acompanhar os resultados do UFC Singapura AO VIVO e em TEMPO REAL

Resultados do UFC Singapura

CARD PRINCIPAL (A partir de 9h):

Leon Edwards derrotou Donald Cerrone na decisão unânime dos juízes (48-47, 48-47, 48-47)

Ovince St-Preux finalizou Tyson Pedro com uma Kimura a 2m54s do R1

Jessica Eye derrotou Jessica-Rose Clark na decisão unânime dos juízes (30-27, 29-28, 29-28)

Li Jingliang derrotou Daichi Abe na decisão unânime dos juízes (30-26, 30-27, 30-27)

CARD PRELIMINAR (A partir de 5h30):

Petr Yan derrotou Teruto Ishihara por nocaute técnico a 3m28s do R1

Yadong Song derrotou Felipe Sertanejo por nocaute técnico a 4m59s do R2

Shane Young derrotou Rolando Dy por nocaute técnico a 4m40s do R2

Kenan Song derrotou Hector Aldana por nocaute técnico a 4m45s do R2

Jake Matthews finalizou Shinsho Anzai com um mata-leão a 3m44s do R1

Yan Xiaonan derrotou Viviane Sucuri na decisão unânime dos juízes (29-28, 29-28, 30-27)

Matt Schnell derrotou Naoki Inoue na decisão dividida dos juízes  (29-28, 28-29, 29-28)

Ulka Sasaki finalizou Jenel Lausa com um mata-leão a 4m04s do R2

Ji Yeon Kim derrotou Melinda Fabian na decisão dividida dos juízes (29-28, 28-29, 29-28)

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário