A dois dias de duelo contra Renato Moicano, ‘Zumbi Coreano’ alfineta brasileiro: ‘Tenho mais coração’

Vindo de derrota, Sul-Coreano afirma que está mais preparado do que brasiliense para embate deste sábado, pelo UFC Greenville

Z. Coreano (foto) afirma que tem mais coração do que R. Moicano. Foto: Reprodução/Facebook @ufcbrasil

Próximo do duelo contra o brasileiro Renato Moicano, o ‘Zumbi Coreano’ afirmou que está preparado para derrotar o oponente. Os dois se enfrentam na luta principal do UFC Greenville, que acontece neste sábado (22), nos Estados Unidos. Em entrevista recente ao ‘Combate’, o sul-coreano afirmou que teve maior tempo para se preparar para o compromisso e promete surpreender brasiliense.

Veja Também

Rival de Royce Gracie no UFC 2 morre de câncer aos 55 anos
Cejudo passa por cirurgia no ombro e só deve voltar a lutar em 2020
Whittaker enfrenta Adesanya pela unificação do título dos médios em outubro, diz site

“Eu estou ansioso para ver o que Renato (Moicano) preparou para essa luta, porque, na luta dele contra o Jeremy (Stephens), ele estava muito acuado, fugindo. Mas, contra outros lutadores, ele foi para frente. Eu estou preparado para todos os cenários de luta”, afirmou Chan Sung.

O combate ao qual o sul-coreano se referiu aconteceu em abril 2017, pelo UFC Kansas City, em que o brasileiro derrotou Stephens por decisão dividida dos juízes. Após este compromisso, Moicano atuou por mais quatro vezes no Ultimate, vencendo duas e saindo derrotado no restante; a última, para o ex-campeão dos penas (até 65,7kg.), José Aldo, em fevereiro, no UFC Fortaleza.

O Zumbi Coreano também vem de derrota dentro da companhia. Em seu último duelo, o atleta administrava uma boa vitória contra o mexicano Yair Rodríguez, até que foi surpreendido por um nocaute avassalador restando apenas um segundo para o término do combate.

“O pós-luta contra Yair Rodriguez foi muito difícil de digerir, porque, no fim das contas, o resultado é o que conta. Eu estava vencendo até o último segundo, mas não importa, porque eu perdi a luta. Voltei para a Coreia do Sul, vi minha família, e tive o suporte deles. Não tenho arrependimentos porque eu dei tudo no octógono naquele dia”, disse o peso pena.

Na ocasião, o lutador afirmou que houve pouco tempo para se preparar e estudar seu adversário, o que lhe custou uma surpresa devastadora ao fim do duelo. Para este sábado, porém, o sul-coreano afirmou que pôde ter foco total e traçar a estratégia certa para bater o brasileiro.

“Eu só tive uma semana para me preparar e enfrentar o Yair Rodriguez e não foi o suficiente para entender o jogo dele, então foi uma surpresa para mim. Para essa luta agora, eu tive um tempo maior para me preparar, sem trocar o oponente, então tenho muita confiança para este sábado”, justificou o atleta, que ainda fez uma comparação de suas características às de Renato. “Eu acho que tenho um coração maior do que o Moicano. O meu estilo de jogo é de ir para cima, o que é uma vantagem para mim”, finalizou o Zumbi.

Chan Sung, aos 32 anos, já se apresentou por 19 vezes no MMA profissional. Ao todo, o atleta soma 14 vitórias e cinco derrotas. Atualmente, o atleta figura na 12ª posição na categoria.

Moicano, 30, por sua vez, lutou 16 vezes em sua carreira nas artes marciais mistas. O brasileiro soma 13 triunfos, dois reveses e um empate. Renato é o quinto no ranking dos penas.

Relação de lutas do UFC Greenville

CARD PRINCIPAL (20h, horário de Brasília):
Peso pena: Renato Moicano x Zumbi Coreano
Peso galo: John Lineker x Rob Font
Peso meio-médio: Bryan Barberena x Randy Brown
Peso mosca: Andrea Lee x Montana De La Rosa
Peso médio: Kevin Holland x Alessio Di Chirico
Peso palha: Ashley Yoder x Syuri Kondo
CARD PRELIMINAR (17h, horário de Brasília):
Peso pena: Dan Ige x Kevin Aguilar
Peso leve: Matt Wiman x Luís Peña
Peso pesado: Allen Crowder x Jairzinho Rozenstruik
Peso mosca: Molly McCann x Ariane Lipski
Peso médio: Deron Winn x Eric Spicely
Peso galo: Andre Ewell x Anderson Berinja

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário